Albufeira de Castelo de Bode: praias fluviais e piscinas flutuantes

Albufeira de Castelo de Bode: praia fluvial Aldeia do Mato.
Índice do artigo

Atualizado em: Janeiro 23, 2023

Comodamente aninhada entre serras e vales, a Albufeira da Barragem de Castelo de Bode é um paraíso para os veraneantes no Centro de Portugal.

Abrange territórios de cinco municípios (Abrantes, Ferreira do Zêzere, Sertã, Tomar e Vila de Rei) e é segunda maior bacia hidrográfica de Portugal, com 60 km, logo a seguir à Barragem do Alqueva, no Alentejo.

O lago é pontilhado por belas ilhas desertas, onde se encontram algumas das melhores praias fluviais de Portugal, conhecidas pelas suas águas amenas e piscinas flutuantes.

Não só existem várias oportunidades para passeios de lazer ao longo do rio Zêzere, como também não faltam opções para quem procura aventura. Aliás, a região é excelente para os aficionados de desportos náuticos e trilhos pedestres, para além de ter uma rica história, com lendas e histórias dos Cavaleiros Templários.

Assim, neste artigo, vamos partilhar algumas das nossas praias fluviais preferidas, recomendar os melhores miradouros e percursos pedestres, dar dicas para explorar a zona e encontrar o melhor alojamento.

Só lhe resta fazer as malas e partir para a sua escapadinha até Albufeira de Castelo de Bode. Então, aceita o desafio?

O que fazer na Albufeira de Castelo de Bode?

Piscina flutuante na praia fluvial de Aldeia do Mato.
Piscina flutuante na praia fluvial de Aldeia do Mato.

Explorar as cascatas e praias fluviais da região

As praias fluviais da Albufeira de Castelo de Bode são o grande cartão-postal da região.

É que a distância e acesso ao litoral do país não são assim tão fáceis. Por isso, houve um grande investimento em dotar de infraestruturas as praias fluviais, não só para usufruto dos moradores, mas também para atrair turistas à região.

O resultado é o paraíso para os visitantes: praias de água morna e transparente, com poucas ou nenhumas ondas, acessos de carro razoáveis e piscinas flutuantes em algumas situações.

Também existem casas de banho, churrasqueiras, zonas verdes, areal, bares e restaurantes em várias destas zonas de veraneio.

Além disso, como todas as praias são diferentes, é normal que as pessoas se espalhem pela região e se uma praia estiver com muita gente, pode conduzir alguns km e já está noutra praia!

Há, realmente, alguma coisa especial para quem visita as praias fluviais Castelo de Bode! Ou seja, se gosta de estar de molho, pode ficar tranquilamente nas piscinas e praias fluviais, se gosta de fazer piqueniques, existem lugares para o efeito, se prefere almoçar fora, existem bares e restaurantes na área, enfim, tem tudo o que precisa para uns dias de sonho no Centro de Portugal.

Visitar a aldeia Templária de Dornes

Aldeia Templária de Dornes na Albufeira de Castelo de Bode.
Aldeia Templária de Dornes.

Dornes, localizada em Ferreira do Zêzere, centro de Portugal, é muitas vezes referida como a Península Encantada ou Terra Mítica dos Templários.

Esta pequena aldeia situa-se numa pitoresca península rodeada pelo rio Zêzere e alberga a singular Torre Templária de Dornes, de formato pentagonal.

Uma visita a Dornes é obrigatória para quem procura conhecer algumas das mais belas aldeias de Portugal.

Para chegar a Dornes, a condução é a opção mais cómoda e económica. A vila fica a uma curta distância de grandes cidades como Santarém, Leiria e Coimbra, com tempos de viagem de cerca de uma hora.

Para quem não tem transporte próprio, é recomendável alugar um carro para explorar a fundo os outros locais históricos e culturais da região.

Apesar da sua pequena dimensão, Dornes é rica em história e já foi eleita uma das 7 Maravilhas de Portugal – Aldeias. A vila tem um significado especial em relação à Ordem dos Templários e à Rainha Santa, com muitas lendas e histórias ainda por descobrir dentro das suas muralhas.

Além disso, em Dornes pode fazer o Trilho Dornes PR1 Vigia do Zêzere ou mergulhar na praia fluvial de Dornes. Neste caso, espreite a banquinha de aluguer de barcos se quiser dar um passeio na albufeira.

Fazer caminhadas e trilhos pedestres

Trilhos na Albufeira de Castelo de Bode: Capela de São Pedro do Castro.
Trilhos na Albufeira de Castelo de Bode: Capela de São Pedro do Castro.

Já está a imaginar as lindas paisagens que pode usufruir nas margens da grande albufeira de Castelo de Bode?

É que não é apenas a vista para o lago que é linda, percorrer os trilhos e atravessar as florestas nesta zona do centro de Portugal é uma experiência incrível!

Um dos trilhos mais conhecidos é o Percurso Pedestre do Lago Azul, que tem cerca de 13 km, é circular e precisa de mais ou menos 4 horas para o fazer.

Neste caso, além de rodear o Lago Azul, ainda tem como bónus uma passagem pela Capela de São Pedro do Castro.

Praticar desportos aquáticos

Desportos náuticos em Dornes.
Desportos náuticos em Dornes.

Gosta de andar de barco, praticar windsurf, vela, jet ski ou wakeboard? Ou prefere atividades mais tranquilas como nadar ou andar de gaivota?

Então Castelo de Bode é o destino para si!

Aliás, a Estação Náutica de Castelo de Bode tornou-se, nos últimos tempos, um dos destinos mais apetecíveis da região, por causa das atividades náuticas que se podem praticar por lá.

Alojamento perto da Albufeira de Castelo de Bode

Na altura de escolher um alojamento em Castelo de Bode, a principal dificuldade pode ser mesmo a quantidade de opções por onde escolher.

Eu fiquei no Hotel Cavaleiros de Cristo em Tomar, mas sinceramente se fosse hoje preferia ter ficado no alojamento Aldeias do Zêzere-Pátio dos Caseiros, por causa da proximidade à Praia Fluvial da Aldeia do Mato.

Outra alternativa com excelente localização é o Lago Azul Eco Hotel em Ferreira do Zêzere, bem como o Hotel Segredos De Vale Manso, em Martinchel.

Estes alojamentos estão situados em diferentes pontos da Albufeira de Castelo de Bode, mas muito perto das respetivas praias fluviais, pelo que acredito que ficará bem servido em qualquer um deles.

No entanto, se nenhum destas sugestões lhe encheu as medidas, veja os preços e disponibilidade dos alojamentos em Castelo de Bode a seguir!

As praias fluviais na Albufeira de Castelo de Bode

Praia fluvial de Fontes (Castelo de Bode).
Praia fluvial de Fontes (Castelo de Bode).

Já referi que as praias fluviais em castelo de Bode são uma das grandes atrações turísticas da região.

E acredite que vale a pena explorar estes pequenos paraísos no interior de Portugal! Por norma, são praias pequenas, com zona de areia ou relva, espaços de lazer como piscinas flutuantes, áreas de piqueniques, espaços de apoio como casas de banho e restaurantes, enfim, tudo o que precisa para umas férias relaxadas.

As praias fluviais mais conhecidas são a praias fluviais de Aldeia do Mato (Abrantes), a praia de Castanheira ou Lago Azul (Ferreira do Zêzere) e a praia do Trízio (Sertã).

No entanto, não se deixe limitar pelas atrações do momento e explore outros lugares como a Bairradinha, também conhecida como Praia fluvial da Bairrada, que está situada na fronteira entre os concelhos de Tomar e Ferreira do Zêzere, bem como a Praia Fluvial do Alqueidão (Tomar), que tem vista para a outrora famosa Ilha do Lombo.

Por outro lado, a Praia Fluvial da Zaboeira e a Praia Fluvial de Fernandaires, ambas no município de Vila de Rei, são boas opções para uns dias de banhos de sol em família, assim como a mais pequena, mas não menos interessante, Praia Fluvial de Fontes (Abrantes).

Por fim, para terminar o roteiro pelas praias fluviais da Albufeira de Castelo de Bode, e se ainda tiver tempo, dê um pulo até à Praia fluvial do Casalinho, ou Alverangel (Tomar).

Miradouros na Albufeira de Castelo de Bode

Miradouro Lago Azul (Ferreira do Zêzere).
Miradouro Lago Azul (Ferreira do Zêzere).

Os miradouros são excelentes locais para apreciar a paisagem, e a boa notícia é que a maior parte dos miradouros de Castelo de Bode está identificado, ou seja, já não precisa de perguntar aos locais quais são os melhores miradouros!

O certo é que ao conduzir o carro vai ver placas a indicar os respetivos miradouros e, por norma, há lugar para estacionar o carro por alguns minutos em segurança.

Aliás, estes espaços costumam ter mesas e bancos se quiser fazer uma pausa na viagem, enquanto aprecia a paisagem.

Dito isto, e reconhecendo que o que vou dizer a seguir é 100% pessoal, os meus miradouros preferidos com vista para a Albufeira de Castelo de Bode são o Miradouro da Aldeia do Mato e Miradouro do Lago Azul.

Porque se chama Castelo de Bode?

Existem algumas teorias que tentam explicar o nome de Castelo de Bode, no entanto, são apenas suposições e não parecem ter uma base histórica credível.

Em todo o caso, uma das hipóteses para o nome está ligado à construção da barragem, ou seja, quando se procedia ao estudo da zona com vista à futura barragem, um grupo de engenheiros viu uma pedra com inscrições de um castelo e a cabeça de um bode.

Ora, para dar um nome à barragem acharam por bem recuperar a história da pedra e batizaram a barragem de Castelo de Bode.

Por que visitar a albufeira da Barragem de Castelo de Bode?

Miradouro Aldeia do Mato.
Miradouro Aldeia do Mato.

Cada um deve ter as suas próprias razões para visitar a albufeira de Castelo de Bode, no entanto, no meu caso, foi a curiosidade para conhecer as praias fluviais que toda a gente falava!

Ou seja, o burburinho que se criou em torno das praias fluviais de águas cristalinas, sem ondas e com piscinas flutuantes no Centro de Portugal foi o principal motivo que me levou a fazer um roteiro em família na região.

Além disso, percebi que existem vários trilhos marcados ideais para caminhadas com os meus filhos, e muitos lugares excelentes para fazer piqueniques.

O resultado: foram dias maravilhosos em família em contacto com a natureza e que, de certeza, serão repetidos nas próximas férias escolares!

Quando visitar a Barragem de Castelo de Bode?

A melhor altura para visitar a Barragem de Castelo de Bode para quem quer desfrutar das praias fluviais são os meses de verão, ou seja, entre junho e setembro.

Por norma, a época balnear nas praias fluviais de Castelo de Bode começa no dia 15 de junho e termina no dia 15 de setembro, ou seja, são três meses completos para desfrutar das piscinas flutuantes, assim como dos bares e restaurantes.

No entanto, se prefere fazer caminhadas, então os meses mais frescos de abril, maio e outubro são os mais indicados.

Nesta altura, provavelmente terá tempo agradável para andar a pé, mas não terá de se preocupar com multidões a correr para as praias fluviais.

Quantos dias para visitar a Barragem de Castelo de Bode?

Desportos náuticos em Ferreira do Zêzere (Castelo de Bode).
Desportos náuticos em Ferreira do Zêzere (Castelo de Bode).

Para conhecer e desfrutar das praias fluviais de Castelo de Bode, vai precisar, no mínimo de três dias, ou seja, duas noites na região.

É claro que lhe vai saber a pouco, pois há muito para ver e fazer na região, mas acredito que um fim de semana em Castelo de Bode é um bom começo.

Aliás, se gostar tanto de Castelo de Bode como nós, pode ir experimentando ficar em diferentes concelhos e escolher a região que mais gosta.

Assim, se tiver oportunidade, o ideal é ficar uma semana por lá, aproveitando os dias de semana que costumam ser tranquilos.

Restaurantes na zona da Barragem de Castelo de Bode

Pessoalmente eu gosto de fazer piqueniques em família. Levo a comida de casa ou compro em mercados e sentamo-nos em cima de uma manta que nos acompanha há anos e que raramente sai da mala do carro.

No entanto, devo confessar que de vez em quando sabe bem sentar-me a uma esplanada, e se for com vista para a Barragem de Castelo de Bode, ainda melhor.

Assim, se não quiser tirar o fato de banho, o restaurante/snack bar na Praia Fluvial da Aldeia do Mato está em funcionamento no verão.

Já o Sabores da Albufeira (241 105 809) pertence ao Hotel Segredos de Vale Manso e tem uma vista incrível para a albufeira.

Por fim, o Sabor da Pedra em Alverangel (918 227 432) tem uma lista cuidada e fama a condizer.

O que visitar nos arredores de Castelo de Bode?

Castelo de Almourol.
Castelo de Almourol.

É certo que na zona de Castelo de Bode existe muito para ver e fazer, no entanto, se quer acrescentar alguns dias para visitar lugares ali perto, aqui ficam algumas sugestões.

Assim, Constância fica a apenas 10 km, enquanto que para visitar Tomar terá de conduzir só 13 km.

Um pouco mais longe, mas que vale muito a pena incluir no seu roteiro, o Castelo de Almourol fica a 15 km de distância. Já Abrantes está localizado a cerca de 19 km de Castelo de Bode e é um excelente lugar para ficar uns dias.

Onde fica a barragem de Castelo de Bode?

A Barragem de Castelo de Bode situa-se no distrito de Santarém, ou seja, no centro de Portugal.

Fica a aproximadamente 210 quilómetros do Porto e 137 quilómetros de Lisboa.

Para lá chegar, pode ir de carro pela A1, tanto no sentido Porto-Lisboa como em sentido contrário.

Artigos Relacionados

Viajar em família, de forma frequente, com algum conforto e sem ir à falência! Somos uma Família Portuguesa a viajar pelo mundo e partilhamos tudo em passaportenobolso.com. Aqui encontra muitas dicas de viagem, bem como informações práticas sobre vários destinos na Europa, África, Ásia e América. Visitei +30 países e não planeio parar tão cedo. De vez em quando viajo sozinha… Acompanhe tudo no Instagram / Facebook / YouTube / Pinterest

Organize a sua viagem!

Reserve com os nossos parceiros; as marcas a seguir indicadas foram testados por nós, são de total confiança e por isso nós as recomendamos!

Além disso, ao usar estes links nós recebemos uma pequena comissão, o que nos ajuda a manter o blogue atualizado. Agradecemos a contribuição 

  • Alojamento no Booking;
  • Tours, entradas em museus, transferes de e para o aeroporto e atrações turísticas sem filas e com descontos pontuais em Get Your Guide;
  • Seguros de viagem à sua medida (inclui seguro COVID-19), com atendimento em língua portuguesa e com 5% desconto na IATI Seguros;

Não se esqueça que nós organizamos as nossas viagens e a dos nossos amigos, também podemos organizar as suas! reservapassaporte@gmail.com.

Este post pode conter links afiliados.

Partilhar Artigo

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.