Browsing Tag

Bélgica

10

Aachen Alemanha -a fronteira de 3 países

Aachen Alemanha é o local da fronteira de três países: Alemanha, Bélgica e Holanda.

Já conhecíamos o mercado de Natal em Colónia e quisemos aproveitar a época natalícia para conhecer outros mercados na Alemanha, nomeadamente o mercado de Natal de Düsselford.

Esta viagem foi diferente das que habitualmente fazemos porque, desta vez, ficámos em casa de amigos. Não precisámos de nos preocupar com alojamento nem deslocações nem mesmo itinerários porque estava tudo tratado!

Aachen Alemanha – roteiro para três dias

Saímos do Porto na sexta-feira dia 08 e regressámos no domingo dia 10 de dezembro. O roteiro final ficou assim:

Dia 1: Aeroporto Francisco Sá Carneiro (OPO) – Aeroporto Colónia/Bonn (CGN) – Erkelenz.

Foi muito bom chegar ao aeroporto e não ter de me preocupar com transportes. Já estavam à nossa espera para nos levarem a Erkelenz. Depois do jantar ainda fomos visitar o pequeno mercado de Natal de Erkelenz.

Erkelenz-alemanha

Dia 2: Erkelenz – Aachen – Düsselford – Erkelenz.

Estávamos a tomar o pequeno-almoço quando começou a nevar. Apesar do frio saímos para brincar na neve e tirar algumas fotografias num lago ali perto. Os patos não pareciam ter frio.

Erkelenz-alemanha

Mais tarde visitámos a fábrica/loja de chocolates da Lindt, de onde saímos com um caixote de chocolates que veio connosco para Portugal. A loja pratica preços muito simpáticos!

Antes do almoço fomos a Aachen, junto da fronteira com a Bélgica e Países Baixos. Foi divertido fazer ginástica para tirar fotografias com um pé na Alemanha, outro na Bélgica e uma mão nos Países Baixos 🙂 Ou terá sido ao contrário? Não sei bem porque estava tão frio! O termómetro do carro marcava -5º.

aachen-fronteira

A tarde foi passada nos mercados de Natal em Düsseldof. São vários e estão espalhados pela cidade.

mercado-natal-dusserdorf
mercado-natal-dusserdorf
mercado-natal-dusserdorf

Dia 3: Erkelenz – Aeroporto Colónia/Bonn – Aeroporto Francisco Sá Carneiro.

No último dia não havia neve no chão em Erkelenz. Para compensar caiu um nevão quando o avião se estava a preparar para levantar o que atrasou o voo de regresso.

Está a pensar visitar algum mercado de Natal ou destino alemão? Talvez tenha interesse nos seguintes post:

Gostaria de conhecer outros destinos? O nosso lema é viajar em família, de forma frequente, com algum conforto e sem ir à falência! Também organizamos viagens, veja algumas promoções em Ofertas de VIAGENS! E não se esqueça de nos acompanhar no no facebook e no instagram.

0

O que visitar em Bruxelas em dois dias

visitar Bruxelas em dois dias

É possível visitar Bruxelas em dois dias? É claro que sim, depende do que quiser visitar mas tenha em mente que apesar de considerarmos Bruxelas uma cidade interessante para ser visitada, muito perto tem outros locais igualmente bonitos. Falamos, por exemplo, de Bruges e Ghent.

Neste artigo vamos dizer-lhe o que poderá ver e fazer em Bruxelas numa escapadinha de dois dias, que para nós foi o tempo suficiente.

O que visitar em Bruxelas em 2 dias

A Grand-Place

visitar Bruxelas em dois dias

Se tem apenas dois dias para visitar Bruxelas recomendamos que comece pela Grand’Place.

A Grand’Place é o coração de Bruxelas. É a praça central onde acontecem as principais manifestações, mas também onde se encontram os locais ao final do dia para tomarem uma cerveja.

Todas as noites existe um pequeno mas interessante espetáculo de música e cores que dão vida aos prédios à volta da praça.

O Atomium

Atomium em Bruxelas, na Bélgica

O Atomium representa um cristal elementar de ferro ampliado 165 milhões de vezes e foi construído a propósito da Expo 58.

Tem cento e três metros de altura e parte do seu interior é visitável.

Poderá visitar as exposições mas chamamos a atenção para o facto de as vistas panorâmicas das janelas lá de cima serem fenomenais.

O Manneken Pis

Manneken Pis

O Manneken Pis é uma pequena estátua de um menino a fazer xixi.

Os habitantes de Bruxelas têm um especial carinho pela estátua e, inclusive, mudam-lhe a roupa regularmente.

A estátua está protegida por uma grade alta e as multidões acumulam-se com frequência naquela zona.

A Jeanneke Pis

Esta é a versão feminina do Manneken Pis, por outras palavras, é uma menina a fazer xixi.

Não é tão conhecida como a sua congénere masculina e, por isso, não existem grandes multidões a competirem pela fotografia perfeita.

O Zinneke Pis

Se gostou das duas sugestões anteriores, recomendamos que visite o Zinneke Pis, um cãozinho… a fazer xixi.

As Galerias Reais Saint-Hubert

Galeries Royales Saint-Hubert

Estas galerias reais são lugares sofisticados com boutiques, cafés e lojas de doces.

Se gosta de doces, recomendamos que dedique algum tempo nestas galerias a provar os deliciosos macarrons.

O Parque do Cinquentenário

Parque do Cinquentenário

Este parque é o lugar ideal para fazer uma pausa do rebuliço da cidade e para estar em contacto com a Natureza.

Estas pausas são importantes, principalmente se viaja com crianças.

O ponto turístico mais conhecido do Parque do Cinquentenário é o Arco do Triunfo e a respetiva carruagem de bronze.

No entanto, neste local também poderá visitar o Museu de História Militar, o Museu do Cinquentenário e o Autoworld.

O Parque Mini-Europa

Como o próprio nome indica, neste parque estão representados monumentos de várias regiões europeias.

Sugerimos que preste atenção ao detalhe com que foram construídas estas réplicas.

O Palácio Real de Bruxelas

Palácio Real de Bruxelas

Este palácio é a sede oficial da monarquia belga, apesar de os reis não viverem neste local há mais de um século.

Nós não tivemos oportunidade de visitar o Palácio Real de Bruxelas mas é possível visitá-lo entre os dias 21 de julho (feriado nacional) e princípios de setembro.

O Centro Belga de Banda Desenhada

Lembra-se do personagem de banda desenhada Tintim? E acompanhou as peripécias dos Smurfs?

Neste centro poderá entrar em contacto com a obra de Hergé e Peyo e de outros artistas de banda desenhada.

Se não tiver tempo para visitar este centro, pelo menos recomendamos que esteja atento às paredes dos prédios pois a arte urbana nesta cidade também se inspirou em heróis de banda desenhada.

Street art em bruxelas

O Parlamento Europeu

Parlamento Europeu em Bruxelas

Bruxelas é a sede do Parlamento Europeu e se for essa a sua vontade, pode visitar as instalações do órgão legislativo da União Europeia.

O que visitar em Bruxelas – comida tradicional, restaurantes e chocolates

O prato tradicional em Bruxelas é o Moules et frites, que são mexilhões com batatas fritas e que normalmente é acompanhado por cerveja local.

moulles et frites

Este e outros pratos são servidos em vários restaurantes no centro de Bruxelas.

Os restaurantes mais turísticos são os que estão localizados junto à Grand-Place mas engana-se se pensa que são apenas frequentados por turistas.

A Bélgica é famosa pelos waffles, por isso não perca a oportunidade de se deliciar com waffles quentinhas.

Waffles belgas

Se a fome apertar ou simplesmente a gula resolver aparecer fora das refeições, aproveite para experimentar as batatas fritas.

Sabe por que razão estas batatas fritas são tão boas? É que elas são fritas duas vezes e da última vez são lançadas ao ar para que o excesso de gordura saia. Só depois são temperadas com sal.

Por fim, e para terminar a viagem em beleza, sugerimos que experimente e eventualmente leve para casa alguns chocolates belgas.

Chocolates belgas

Gostaria de conhecer outros destinos? Sugerimos uma viagem a Miami! O nosso lema é viajar em família, de forma frequente, com algum conforto e sem ir à falência! Também organizamos viagens, veja algumas promoções em Ofertas de VIAGENS! E não se esqueça de nos acompanhar no no facebook e no instagram.