O que fazer em LAMEGO (2024): Capital Cultural do Douro

Visitar Lamego.
Índice do artigo

Atualizado em: Março 1, 2024

Lamego é a segunda maior cidade do distrito de Viseu, isto é, fica na região Norte de Portugal.

Terra milenar e cenário de acontecimentos importantes (quem não se lembra de estudar na escola as “Cortes de Lamego”?), por aqui passaram muitos povos, que enriqueceram não só a cultura, mas também as tradições da região.

A cidade quer afirmar-se como Capital Cultural do Douro, considerando a inequívoca riqueza do património e cultural.

Assim, neste artigo vou falar-lhe de tudo o que pode fazer e visitar em Lamego. Ou seja, com estas informações, pode perfeitamente criar um roteiro para 1, 2 ou 3 dias na região.

Mas devo alertar que há tanto para ver e fazer em Lamego, que pode muito bem apaixonar-se pela cidade e querer ficar para sempre por lá…

O que fazer e visitar em Lamego: atrações turísticas mais conhecidas e joias escondidas

Visitar o Santuário de Nossa Senhora dos Remédios

Santuário de Nossa Senhora dos Remédios.
Santuário de Nossa Senhora dos Remédios.
Interior do Santuário de Nossa Senhora dos Remédios, em Lamego.
Interior do Santuário de Nossa Senhora dos Remédios.
Interior do Santuário de Nossa Senhora dos Remédios (detalhe do teto).
Interior do Santuário de Nossa Senhora dos Remédios (detalhe do teto).
Pormenor da fachada da Senhora dos Remédios, em Lamego, com a incrição da data 1761.
Pormenor da fachada da Senhora dos Remédios, com a incrição da data 1761.
Pátio dos Reis, com 18 estátuas dos Reis de Israel.
Pátio dos Reis, com 18 estátuas dos Reis de Israel.

O Santuário de Nossa Senhora dos Remédios é um dos maiores templos marianos em Portugal, mas não são apenas os devotos que o visitam.

Com efeito, o parque e o escadório monumental são mais duas atrações que levam visitantes ao Monte de São Estêvão.

Já agora, se quiser fazer um piquenique o melhor lugar é, sem dúvida, numa das muitas mesas espalhadas pelo área arborizada do parque.

Explorar o Castelo de Lamego

Castelo de Lamego.
Castelo de Lamego.
Vista do Castelo de Lamego, a partir da cidade.
Vista do castelo, a partir da cidade.
Muralhas do Castelo de Lamego.
Muralhas do castelo.
Janela com grades no Castelo de Lamego.
Janela com grades no Castelo de Lamego.
Museu do Castelo de Lamego.
Museu do Castelo de Lamego.

O Castelo de Lamego é um lugar onde facilmente somos transportados para outro tempo.

O edifício em si e as muralhas estão em bom estado de conservação, e além disso na Torre de Menagem do Castelo está a funcionar um museu que explica a história do lugar.

Por outro lado, as lendas associadas ao castelo como a lenda da Princesa Ardínia enriquecem ainda mais a visita.

A caminho do castelo não se esqueça de passar pela Cisterna e pelo Núcleo Arqueológico Porta dos Figos.

Visitar a Catedral de Lamego

Catedral de Lamego.
Catedral de Lamego.
Sé Catedral de Lamego
Tetos pintados por Nasoni, Sé Catedral.
Lateral da Catedral de Lamego.
Lateral da Catedral de Lamego.
Talha dourada na Catedral de Lamego.
Talha dourada na Catedral de Lamego.
Escultura de teor sexual na Catedral de Lamego.
Escultura erótica na Catedral de Lamego.

A Catedral de Lamego é uma construção gótica, que pela sua grandiosidade nos faz sentir pequenos.

Com efeito, as altas paredes de granito obrigam-nos a olhar para cima como que a contemplar o céu.

E se o fizer dentro da catedral vai ver o teto pintado pelo artista italiano Nasoni, por isso não perca a oportunidade de ir espreitar.

Conhecer o Museu de Lamego

Entrada para o Museu de Lamego.
Entrada para o Museu de Lamego.

O Museu de Lamego é uma paragem obrigatória, principalmente se viaja com filhos em idade escolar.

A exposição está organizada de forma temática e em salas, por isso é muito fácil passar de um tema para outro.

Passear no Parque Biológico na Serra das Meadas

O Parque Biológico na Serra das Meadas é uma boa alternativa para passeios na natureza.

São 50 hectares de terreno florestal, por isso há muito espaço para explorar, no entanto tenha em atenção que a entrada no parque é paga.

Fazer uma prova de espumantes nas Caves Raposeira

Entrada para as caves Raposeira.
Entrada para as caves Raposeira.
Espumante Raposeira.
Espumante Raposeira.
Visitar as Caves Raposeira.
Visitar as Caves Raposeira.
Museu nas Caves de Raposeira.
Caves de Raposeira: ver artefactos antigos.
Prova de espumante nas Caves Raposeira.
Prova de espumante nas Caves Raposeira.

As Caves Raposeira são uma instituição em Lamego, tanto que não são de estranhar as excursões de autocarros que regularmente se dirigem para este lugar.

Por isso, quer seja um apreciador de espumante ou alguém com interesse em enoturismo, recomendo que inclua na sua lista de o que fazer em Lamego, uma visita às Caves Raposeira.

Se quiser, além de provar os espumantes, ainda pode levar para casa os seus preferidos.

Visitar o Teatro Ribeiro Conceição

Teatro Ribeiro Conceição.
Teatro Ribeiro Conceição.
O que fazer em Lamego: conhecer o Teatro Ribeiro Conceição.
O que fazer em Lamego: conhecer o Teatro Ribeiro Conceição.
Detalhe do interior do  Teatro Ribeiro Conceição.
Detalhe do interior do Teatro Ribeiro Conceição.
Camarotes no Teatro Ribeiro Conceição.
Camarotes no Teatro Ribeiro Conceição.

O Teatro Ribeiro Conceição funciona no antigo Hospital da Santa Casa da Misericórdia, sendo que a sua Inauguração foi no dia 02 de fevereiro de 1929.

Além de receber espetáculos de teatro, cinema, circo e dança ao longo do ano, que são por si só um motivo adicional para visitar a cidade, este teatro tem uma sala inacreditável.

Aliás, a provar a importância do Teatro Ribeiro Conceição está o facto de ser  Imóvel de Interesse Público desde 1997.

As semelhanças desta sala com o Teatro alla Scala de Milão não passam despercebidas, com os detalhes dourados, as grandes colunas, posicionamento dos camarotes e a presença de um grandioso candelabro no teto.

Explorar o centro histórico da cidade

Núcleo Arqueológico Porta dos Figos.
Núcleo Arqueológico Porta dos Figos

É um gosto caminhar na zona antiga de Lamego. E quando digo antiga, é mesmo a sério!

Afinal, as ruas empedradas do centro de Lamego já são percorridas desde os tempos medivais. Convém lembrar que o Caminho de Santiago Interior passa mesmo pelo centro de Lamego.

Explore com tempo as ruas e ruelas, sempre a subir em direção ao castelo. Passe por baixo do Núcleo Arqueológico Porta dos Figos, espreite a cisterna do castelo e o museu.

Roteiro para um dia em Lamego

Visitar Lamego.
Visitar Lamego em família.

Um dia é pouco tempo para explorar a cidade, no entanto se não tem possibilidade de estender a sua estadia vamos fazer o nosso melhor para lhe deixar um roteiro o mais completo possível.

Assim, sugerimos que estacione o carro na Avenida Dr Alfredo Sousa e faça o seu roteiro no centro da cidade a pé.

A primeira paragem será na Sé Catedral, seguindo-se o Museu e o Castelo.

Esta primeira parte provavelmente vai demorar-lhe a manhã inteira, por isso sugerimos que faça uma pausa para almoço num restaurante da cidade (mais informações a seguir) ou faça um piquenique no parque de Nossa Senhora dos Remédios.

De tarde sugerimos que visite o Santuário de Nossa Senhora dos Remédios, incluindo o parque e o escadório.

Se puder ficar mais dias na região, então tome nota dos seguintes pontos turísticos em Lamego:

  • Capela de Nossa Senhora dos Meninos do Bairro da Ponte;
  • Igreja do Desterro;
  • Igreja e Convento de Santa Cruz;
  • Teatro Ribeiro Conceição;
  • Museu Diocesano;
  • Capela de Nossa Senhora da Esperança;
  • Capela do Espírito Santo;
  • Igreja de São Francisco, Igreja da Graça, Igreja de Santa Maria de Almacave, Igreja do Mosteiro das Chagas de Lamego e a Igreja do Convento de Santo António;
  • Pátio dos Reis;
  • Caves da Raposeira;
  • Capela de S. Pedro de Balsemão;
  • Relógio de Sol.

O que se come em Lamego? Restaurantes e produtos típicos

Bôla de Lamego.
Bôla de Lamego da Pastelaria da Sé.

A gastronomia típica de Lamego inclui cabrito no forno, trutas de escabeche e milhos com carne de vinha d’alhos, que é um prato de milho triturado que acompanha carne marinada em vinho e temperos como por exemplo alho e louro.

No entanto, há um produto típico que não pode mesmo deixar de provar, que é a bôla.

O lugar mais tradicional para comprar as bôlas de Lamego é na Pastelaria da Sé (junto à catedral) e existem várias opções além da tradicional.

As bôlas saem do forno ao longo do dia, por isso pergunte que opções estão disponíveis no momento.

Em relação aos restaurantes em Lamego, aqui ficam as minhas preferências:

Outros lugares a visitar perto de Lamego

Peso da Régua o que visitar.
Visitar a Régua.
Ponte Pedonal na Régua.
Ponte Pedonal na Régua.
Museu do Douro.
Museu do Douro.

Visitar Peso da Régua

A Régua é um lugar muito bonito e está a apenas 16 km de Lamego.

As paisagem junto ao Rio Douro são inesquecíveis, e por essa razão, certifique-se que tem tempo suficiente para incluir uma paragem na Régua no seu roteiro.

Visitar Tarouca

A cidade de Tarouca está a apenas 12 km de Lamego, por isso não deixe de a visitar.

Algumas dicas rápidas de o que visitar em Tarouca são: a Torre de Ucanha e a Ponte Medieval, o Mosteiro de Santa Maria de Salzedas, mas também, é claro, o Cristo Rei.

No entanto, se é apreciador de vinhos sugerimos que inclua no seu roteiro uma visita às Caves da Murganheira.

Visitar Castro Daire

A 30 km a sul de Lamego, Castro Daire é uma vila com muitos motivos para visitar.

Assim, deixamos algumas dicas de o que visitar em Castro Daire: o Centro de Interpretação e Informação do Montemuro e Paiva, a Cascata da Pombeira, a praia fluvial da Folgosa e ainda a Igreja de Nossa Senhora da Conceição, que é Monumento Nacional e está localizada na freguesia de Ermida.

E se é fã do turismo termal, então tome nota que em Castro Daire estão situadas as Termas do Carvalhal, um importante centro termal do país.

Alojamento em Lamego

Mapa do Bairro do Castelo.
Mapa do Bairro do Castelo.

Nesta região vai encontrar diferentes tipos de alojamento, como por exemplo quintas de enoturismo, hoteís de luxo e também hotéis económicos.

Afinal, Lamego tem tanto para fazer e visitar que é realmente uma excelente ideia ficar uma ou duas noites na cidade.

Por isso, aqui ficam as minhas recomendações:

No entanto, se não gostou de nenhuma destas sugestões, explore o mapa com todos os alojamentos na região.

Hotéis em Lamego

Tudo o que precisa saber antes de visitar Lamego

Castanheiro com 700 anos, perto do Santuário de Nossa Senhora dos Remédios.
Castanheiro com 700 anos, perto do Santuário de Nossa Senhora dos Remédios.
Castanheiro com 700 anos, em Lamego.
Castanheiro com 700 anos, em Lamego.

Lamego é vila ou cidade?

Lamego é cidade.

Quantos habitantes tem a cidade de Lamego?

De acordo com as estatísticas oficiais, Lamego tem 8 848 habitantes, ou seja, é a segunda maior cidade do distrito de Viseu.

Quantos dias são necessários para visitar Lamego?

Dois dias são suficientes para visitar Lamego, no entanto, não se esqueça que a cidade fica na região do Douro e que há muito para ver nos arredores.

Vale a pena visitar Lamego?

Sim, vale muito a pena visitar Lamego, já que fica na linda região do Douro, tem vários monumentos espetaculares para visitar e bons restaurantes para conhecer.

Além disso, é muito fácil ir até Lamego, já que a autoestrada A4 faz a ligação da cidade do Porto a Lamego de forma fácil e rápida.

Subscreva o canal para mais vídeos de viagens!

Mapa e como chegar a Lamego?

Do Porto

Leia também

Viajar em família, de forma frequente, com algum conforto e sem ir à falência! Somos uma Família Portuguesa a viajar pelo mundo e partilhamos tudo em passaportenobolso.com. Aqui encontra muitas dicas de viagem, bem como informações práticas sobre vários destinos na Europa, África, Ásia e América. Visitei +30 países e não planeio parar tão cedo. De vez em quando viajo sozinha… Acompanhe tudo no Instagram / Facebook / YouTube / Pinterest / Twitter. 

Organize a sua viagem!

Reserve com os nossos parceiros; as marcas a seguir indicadas foram testados por nós, são de total confiança e por isso nós as recomendamos!

Além disso, ao usar estes links nós recebemos uma pequena comissão, o que nos ajuda a manter o blogue atualizado. Agradecemos a contribuição 

  • Alojamento no Booking;
  • Tours, entradas em museus, transferes de e para o aeroporto e atrações turísticas sem filas e com descontos pontuais em Get Your Guide;
  • Seguros de viagem à sua medida (inclui seguro COVID-19), com atendimento em língua portuguesa e com 5% desconto na IATI Seguros;

Não se esqueça que nós organizamos as nossas viagens e a dos nossos amigos, também podemos organizar as suas! reservapassaporte@gmail.com.

Este post pode conter links afiliados.

Partilhar Artigo

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.