Serra do Buçaco 2024: à descoberta de tesouros escondidos!

Visitar o Palácio do Buçaco.
Índice do artigo

Atualizado em: Junho 14, 2024

Aceita o convite para descobrir os tesouros escondidos da Serra do Buçaco, também conhecida como Serra do Bussaco ou Mata do Bussaco? Prepare-se, então, para explorar os recantos desta região deslumbrante e descubra o que fazer e visitar na Serra do Buçaco.

Localizada na região central de Portugal, a Serra do Buçaco é um verdadeiro paraíso natural, com paisagens deslumbrantes, património cultural rico e uma abundância de atividades ao ar livre.

Caminhadas, passeios a cavalo e contemplação da natureza são apenas algumas das opções disponíveis para quem visita o Bussaco!

Aliás, para os amantes da natureza, a Mata do Bussaco é um tesouro a ser explorado.

Com 105 hectares de terreno, esta floresta encantadora é considerada Imóvel de Interesse Público e dispõe de trilhos bem sinalizadas para os aventureiros. Aproveite a serenidade e a exuberância da vegetação enquanto se embrenha pela natureza.

Além disso, não deixe de visitar o Convento do Buçaco, um marco histórico com uma arquitetura impressionante.

Construído no século XVII pela Ordem dos Carmelitas Descalços, o convento é um testemunho da rica história da região. Explore os seus claustros cheios de mistério, capelas e jardins, mergulhando numa experiência cultural enriquecedora.

Se quiser prolongar a sua estadia na Serra do Buçaco, encontrará várias opções de alojamento, desde hotéis luxuosos até aconchegantes casas rurais.

Aproveite a tranquilidade da serra e desfrute de uma estadia relaxante enquanto explora tudo o que a região tem a oferecer.

Aceite o nosso convite para embarcar nessa viajem de descoberta pela Serra do Buçaco! Acredite que a Serra do Buçaco está pronta para surpreendê-lo em cada esquina.

A Serra do Buçaco

Lago na Mata do Bussaco.
Lago na Mata do Bussaco.
Serra do Bussaco.

A Serra do Buçaco no seu ponto mais elevado atinge os 549 metros e abrange os concelhos da Mealhada, Mortágua e Penacova.

Além disso, é na Serra do Buçaco que está localizada a Mata Nacional do Buçaco, uma área protegida que exibe árvores e plantas provenientes do mundo inteiro.

O que fazer e visitar na Mata do Bussaco

Seguem-se algumas sugestões de o que fazer e visitar na região do Bussaco.

Embora não seja uma lista completa de todas as atrações turísticas, ela serve como uma introdução para despertar seu interesse em sair de casa e explorar essa deslumbrante parte do centro de Portugal.

Explorar a Fonte Fria na Mata do Buçaco

Fonte fria da Mata do Bussaco.
Fonte fria da Mata do Bussaco.
Serra do Buçaco.

A Fonte Fria é uma fonte natural localizada na Mata do Buçaco, uma reserva florestal protegida situada na Serra do Buçaco, na região central de Portugal.

É conhecida pelas águas cristalinas e refrescantes, e é um destino popular para quem procura um lugar tranquilo para relaxar e desfrutar da natureza.

Fica a cerca de 2 km da cidade de Luso, e é facilmente acessível a pé ou de carro. A fonte é rodeada por uma paisagem verdejante, com árvores altas e ar puro, e é um lugar ideal para caminhadas, piqueniques ou simplesmente sentar e relaxar.

A Fonte Fria é também um lugar histórico e culturalmente significativo, tendo sido mencionada em diversos documentos e relatos ao longo dos séculos. Aliás, esta fonte é considerada um lugar sagrado pelos locais, e é frequentemente visitada por peregrinos.

Enfim, a Fonte Fria da Serra do Bussaco é um dos lugares mais encantadores da Mata do Buçaco, pois parece ter saído de outro mundo.

Basicamente é assim: dois cursos de água unem-se num só e por sua vez vai alimentar uma série de lagos mais à frente. A não perder!

Caminhar pelo Vale dos Fetos

Floresta de fetos.
Vale dos fetos na Mata do Buçaco.

O Vale dos Fetos é um espaço verde ajardinado cujo nome resulta da existência de fetos muito grandes (parecem pequenas palmeiras), e por isso tem um ar tropical.

Os degraus e a rua que dão acesso ao Vale dos Feto foram construídos entre 1887 e 1888.

Conhecer o Lago Grande

Grande Lago do Bussaco.
Grande Lago do Bussaco.
Caminhada a pé com crianças na Mata do Bussaco.
Caminhada a pé com crianças na Mata do Bussaco.

O Lago Grande é um lago artificial localizado na Serra do Buçaco, na região central de Portugal. Foi criado no século XVIII como parte do jardim do Buçaco Palace, um palácio histórico situado na serra, e é rodeado por jardins e paisagens naturais que valem a pena conhecer.

É um lugar popular para passear e admirar a natureza, e onde é possível fazer uma série de atividades ao ar livre, como caminhadas, piqueniques e passeios de barco.

O lago também é um ponto de paragem popular para os visitantes da Serra do Buçaco, que podem desfrutar de uma refeição ou um lanche enquanto admiram as vistas do lago e da paisagem ao redor.

O Lago Grande fica a poucos minutos a pé do Buçaco Palace, e é acessível a partir da estrada principal que leva ao palácio.

Enfim, o Lago Grande é um destino único e lindo, oferecendo a oportunidade de admirar a natureza e desfrutar de atividades ao ar livre na Serra do Buçaco.

Perder-se no labirinto do Jardim Novo

Jardim do Palácio do Buçaco.
Jardim do Palácio do Buçaco.
Jardim Novo da Mata do Buçaco.
Arquitetura do Jardim Novo no Buçaco.

O Jardim Novo foi construído em 1886-1887 e foi uma adição ao espaço existente do Convento e Palace Hotel.

A principal característica deste jardim são as formações geométricas desenhadas com arbustos de pequeno porte, assim como as plantas que o adornam.

Fazer uma caminhada pelo jardim é a melhor forma de usufruir deste espaço.

Admirar a fachada do Bussaco Palace Hotel

Palácio do Buçaco.
Palace Hotel no Buçaco.

O Bussaco Palace Hotel está inserido em plena Mata Nacional do Buçaco.

O edifício e os jardins são lindos e é uma excelente escolha para quem quer se alojar no interior da mata e percorrer com calma os trilhos pedestres da serra.

Azulejos no Palácio do Buçaco.
Azulejos no Palácio do Buçaco.
Ala do Palácio do Buçaco.
Ala do Palácio do Buçaco.

Descobrir a História do Convento de Santa Cruz na Serra do Buçaco

História do Convento de Santa Cruz.
História do Convento de Santa Cruz.
Painel no Convento de Santa Cruz.
Painel no Convento de Santa Cruz.
Convento de Santa Cruz, na Serra do Buçaco.
Convento de Santa Cruz, na Serra do Buçaco.

O Mosteiro de Santa Cruz tem uma longa e fascinante história, que remonta ao século XVI.

Foi fundado por D. Manuel I como convento real, tendo servido ao longo dos séculos como retiro de monges e local de contemplação espiritual.

Hoje, o mosteiro está aberto ao público e oferece uma variedade de atrações culturais e históricas, incluindo os edifícios históricos, jardins e coleções de arte.

Os visitantes do Mosteiro de Santa Cruz podem explorar o complexo, incluindo a igreja, claustros e capelas, bem como os seus jardins. O mosteiro também tem um museu, que mostra uma coleção de arte e artefactos da história cultural e espiritual da região.

No entanto, para além das suas atrações históricas e culturais, o Mosteiro de Santa Cruz é também um destino popular para os caminhantes e amantes da natureza, com uma variedade de caminhadas e percursos pedestres pelo seu terreno.

Ou seja, os trilhos oferecem belas vistas da paisagem e uma oportunidade de experimentar a atmosfera pacífica do mosteiro.

O Convento de Santa Cruz está localizado junto ao Palácio do Buçaco e tem a particularidade de as paredes do convento estarem revestidas de pequenas pedras.

Por fim, para visitar o Convento de Santa Cruz terá de adquirir bilhete (gratuito até aos 6 anos, 1 EUR dos 7 aos 11 anos e 2 EUR a partir dos 12 anos).

Os Trilhos na Mata e Serra do Buçaco

Explorar a Serra do Bussaco com crianças.
Explorar a Serra do Bussaco com crianças.
Floresta de Bambu.
Floresta de Bambu.
Os meus filhos junto ao Lago na Mata do Bussaco.
Os meus filhos junto ao Lago na Mata do Bussaco.
Mesas para piqueniques na Serra do Bussaco.
Mesas para piqueniques na Serra do Bussaco.

É claro que pode explorar a Mata do Bussaco da forma que achar melhor, no entanto foram criados alguns trilhos pedestres para facilitar a visita.

Assim, o Trilho do Adernal explora o Adernal, um habitat muito particular que só irá encontrar nesta zona da Serra do Buçaco, enquanto que o Trilho da Água é um trilho circular com partida chegada no posto de informação e passar pelo Vale dos Fetos, Fonte Fria, Fonte do Carregal, Fonte de Santa Teresa, Fonte de Santo Elias, Fonte de São Silvestre, Samaritana e Cascata.

O Trilho Floresta Relíquia também tem como ponto de partida o posto de informação mas estende-se pela zona mais alta da Mata do Buçaco, com árvores de copa alta.

Por outro lado, o Trilho Militar tem como ponto de partida e chegada o Convento de Santa Cruz e tem paragens na Porta de Sula, no Moinho de Sula, no Obelisco e no Museu Militar.

Por fim, o Trilho da Via-Sacra é um trilho bastante popular e tem como ponto de partida e chegada o Convento de Santa Cruz e ao logo do trilho irá encontrar várias capelas que representam os Passos da Paixão de Jesus Cristo.

Preços de entrada na Mata do Bussaco

Visitar o Palácio do Buçaco.
Visitar o Palácio do Buçaco.

Para entrar na Mata Nacional do Bussaco terá de adquirir um bilhete de entrada.

Assim, os veículos de duas rodas com motor pagam o valor de 2 EUR, os veículos ligeiros até 5 lugares pagam 5 EUR, os veículos ligeiros com mais de 5 lugares pagam 7 EUR e as autocaravanas pagam 12 EUR.

É importante mencionar que estes valores são cobrados diariamente, permitindo que os visitantes entrem e saiam da Mata do Bussaco quantas vezes desejarem durante o dia.

Ao regressar à serra, basta apresentar o bilhete do dia.

Por outro lado, se preferir explorar a mata a pé, a entrada é gratuita. Esta é uma ótima opção para desfrutar da beleza natural da região sem custos adicionais.

Aproveite esta oportunidade para caminhar pelos trilhos e apreciar toda a exuberância que a Mata Nacional do Bussaco tem a oferecer.

Onde comer na Serra do Buçaco

Restaurante Rei dos Leitões.
Restaurante Rei dos Leitões.
Leitão à Bairrada no Restaurante Rei dos Leitões.
Leitão à Bairrada no Restaurante Rei dos Leitões.

Na Serra do Buçaco irá encontrar parques de merendas por isso pode fazer um piquenique em família.

No entanto, o Bussaco está localizado na região da Bairrada, por isso a nossa sugestão é que dê largas às papilas gostativas e escolha um lugar tradicional conhecido pela confeção do famoso leitão.

Existem muitos restaurantes que servem esta iguaria mas nós pedimos sugestões a amigos são vivem na região e deram-nos duas opções: o Rei dos Leitões na Mealhada e o Restaurante Casa Vidal em Aguada de Cima.

Alojamento na Serra do Buçaco

Grande Hotel do Luso.
Grande Hotel do Luso.
Arquitetura do Palácio do Buçaco.
Arquitetura do Palace Bussaco Hotel.

Para ficar a dormir no Buçaco pode escolher o Palace Bussaco Hotel que falámos anteriormente.

Eu costumo ficar no Grande Hotel do Luso (4 estrelas) no centro da vila do Luso e recomendo.

O hotel é muito confortável, tem piscina interior e exterior e além disso, os preços costumam ser bastante atrativos.

No entanto, existem outras opções de alojamento mais económicas pelo que pode escolher o melhor hotel para si no link e mapa a seguir.

Alojamento no Luso

Quem mandou construir o palácio do Bussaco?

Fonte no Buçaco.
Visitar o Palácio do Buçaco.

O Palace Hotel do Buçaco, encomendado pelo rei D. Carlos I como um pavilhão real de caça, é um magnífico exemplo do estilo arquitetónico conhecido como “Romantismo Castelar”.

Construído entre 1888 e 1907, este palácio é uma expressão do nacionalismo português e sua gloriosa era dos Descobrimentos.

O arquiteto italiano Luigi Manini, renomado cenógrafo do Teatro Nacional de São Carlos, foi responsável pelo projeto do “Edifício Monumental”, mas a construção teve a contribuição de outros arquitetos, como Nicola Bigaglia, José Alexandre Soares e Manuel Joaquim Norte Júnior, autor do Edifício dos Brasões e do icónico “Café a Brasileira” em Lisboa, além do Palace Hotel da Curia.

O atual edifício do hotel, em estilo neomanuelino, tem painéis de azulejos, frescos e pinturas que retratam a grandiosidade dos Descobrimentos portugueses.

Destacam-se a coleção de painéis de azulejos do mestre Jorge Colaço e as esculturas de António Gonçalves e Costa Mota.

Há também mobiliário com peças portuguesas, indo-portuguesas e chinesas, bem como tapeçarias.

Enfim, é um edifício cheio de carácter e obras de arte!

Este lugar marca-se pelo facto de ter acolhido a última cerimónia oficial da Monarquia Portuguesa em 27 de setembro de 1910, pois pouco tempo depois, com o advento da República, D. Manuel II partiu para o exílio.

Pormenor do Convento de Santa Cruz.
Pormenor do Convento de Santa Cruz.
Convento de Santa Cruz.
Convento de Santa Cruz.

Onde fica a Serra do Bussaco?

A Serra do Bussaco fica na região centro de Portugal.

Para saber qual é a melhor forma de chegar ao Bussaco, sugiro que siga as instruções a seguir.

Árvores gigantes na Serra do Bussaco.
Árvores gigantes na Serra do Bussaco.

Como chegar à Serra do Buçaco?

A partir da cidade de Lisboa

De carro: A Serra do Buçaco está localizada a aproximadamente 250 quilómetros ao norte de Lisboa. A viagem de carro leva cerca de 3 horas, dependendo do trânsito. Para chegar à Serra do Buçaco a partir de Lisboa de carro, siga pela autoestrada A1 norte em direção ao Porto e saia na saída Penacova/Mangualde. A partir daí, siga as indicações para a Serra do Buçaco.

De autocarro: Existem autocarros regulares de Lisboa para a Serra do Buçaco, operados pela Flixbus e Rede Expressos. A viagem tem a duração aproximada de 3 horas e 15 minutos, e é possível adquirir os bilhetes online.

A partir da cidade do Porto

De carro: A Serra do Buçaco está localizada a aproximadamente 110 quilómetros do Porto. A viagem de carro leva cerca de 1h10 horas. Para chegar à Serra do Buçaco a partir do Porto de carro, siga pela autoestrada A1 para sul em direção a Lisboa e saia na saída Penacova/Mangualde. A partir daí, siga as indicações para a Serra do Buçaco.

De autocarro: Existem autocarros regulares do Porto para a Serra do Buçaco, operados pela Flixbus e Rede Expressos. A viagem dura cerca de 1 hora e 15 minutos, e pode comprar os bilhetes online.

Leia também

Viajar em família, de forma frequente, com algum conforto e sem ir à falência! Somos uma Família Portuguesa a viajar pelo mundo e partilhamos tudo em passaportenobolso.com. Aqui encontra muitas dicas de viagem, bem como informações práticas sobre vários destinos na Europa, África, Ásia e América. Visitei +30 países e não planeio parar tão cedo. De vez em quando viajo sozinha… Acompanhe tudo no Instagram / Facebook / YouTube / Pinterest.

Organize a sua viagem!

Reserve com os nossos parceiros; as marcas a seguir indicadas foram testados por nós, são de total confiança e por isso nós as recomendamos!

Além disso, ao usar estes links nós recebemos uma pequena comissão, o que nos ajuda a manter o blogue atualizado. Agradecemos a contribuição 

  • Alojamento no Booking;
  • Tours, entradas em museus, transferes de e para o aeroporto e atrações turísticas sem filas e com descontos pontuais em Get Your Guide;
  • Seguros de viagem à sua medida (inclui seguro COVID-19), com atendimento em língua portuguesa e com 5% desconto na IATI Seguros;

Não se esqueça que nós organizamos as nossas viagens e a dos nossos amigos, também podemos organizar as suas! reservapassaporte@gmail.com.

Este post pode conter links afiliados.

Partilhar Artigo

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.