Tour Kotor e Perast do cruzeiro MSC Orchestra: O que esperar?

Navio MSC atracado na Baía de Kotor, em Montenegro.
Índice do artigo

Atualizado em: Março 31, 2024

Se está a planear um cruzeiro com paragem em Montenegro e está à procura de informações sobre o Tour Kotor e Perast, então chegou ao lugar certo! Neste artigo, vou partilhar consigo detalhes valiosos que considero essenciais para organizar a sua viagem.

Durante a nossa passagem por Montenegro, tivemos o prazer de fazer o tour Kotor & Perast, ou seja, conhecemos dois destinos deslumbrantes.

Este passeio revelou-se memorável e foi a última paragem do MSC Orchestra, antes de regressarmos ao porto de Veneza.

Assim, ao longo deste artigo, vou contar-lhe em pormenor como foi a nossa experiência em Montenegro, destacando os encantos de Kotor e Perast.

Atravessar as Bocas de Cattaro, em direção ao Porto de Kotor.
Atravessar as Bocas de Cattaro, em direção ao Porto de Kotor.

No final do artigo, encontrará uma lista de outros conteúdos relacionados com tours de cruzeiros, com informações adicionais para planear a sua viagem.

É relevante notar que Montenegro tornou-se um estado independente em 2006, e o significado literal de “Montenegro” é “Montanha Negra”. Portanto, conte com paisagens deslumbrantes.

Prepare-se, então, para mergulhar numa experiência única em Montenegro e descubra tudo o que precisa saber para tornar a sua viagem inesquecível!

Tour Kotor e Perast do cruzeiro: excursão comprada no MSC Orchestra

Entrada em Montenegro de navio de cruzeiro.
Entrada em Montenegro de navio de cruzeiro.
Nossa Senhora das Rochas, ou Our Lady of Škrpjela, em Perast.
Nossa Senhora das Rochas, ou Our Lady of Škrpjela, em Perast.

Não vou estar com meias palavras, eu adorei conhecer Kotor e Perast nas curtas horas que passei na região por altura do cruzeiro MSC Orchestra.

Estes dois lugares são realmente incríveis e percebo perfeitamente porque dizem que são as maravilhas de Montenegro!

Por um lado, é intrigante observar que Montenegro, cujo significado literal é Montanha Negra, tornou-se num estado independente apenas em 2006, e apresenta-se como um destino repleto de história e beleza natural.

Portanto, aqui fica o relato da nossa experiência em Montenegro, a bordo de um cruzeiro da MSC.

Chegada ao porto de Kotor

Navio MSC atracado na Baía de Kotor, em Montenegro.
Navio MSC atracado na Baía de Kotor, em Montenegro.

Aproximarmo-nos do porto nas primeiras horas da manhã, por volta das 5:00, a bordo de um navio de grande porte, como é o MSC Orchestra, vendo a majestosidade dos fiordes na Baía de Kotor, é realmente incrível!

Manobrar um navio gigante como o MSC Orchestra não é tarefa fácil, pelo que é necessário recorrer à experiência de um rebocador para contornar os estreitos canais da Baía de Kotor.

Ou seja, ainda não tinha saído do navio e já estava rendida a este destino que prometia, e cumpriu, ser um dos lugares mais fascinantes deste cruzeiro!

Depois de sairmos do barco fomos para o autocarro onde uma guia nos esperava, sendo que a primeira paragem foi Perast.

Visitar Perast, a vila piscatória na Baía de Kotor

Visitar Perast, em Montenegro.
Visitar Perast, em Montenegro.
Ilha de São Jorge e Ilha da Senhora da Rochas, em Perast.
Ilha de São Jorge e Ilha da Senhora da Rochas, em Perast.
Barco a caminho de Nossa Senhora das Rochas, em Perast, Montenegro.
Barco a caminho de Nossa Senhora das Rochas, em Perast, Montenegro.
Ilha de São Jorge, em Perast.
Ilha de São Jorge, em Perast.

À saída do navio de cruzeiro, uma guia já aguardava o grupo para acompanhá-lo no autocarro, sendo que a primeira paragem foi a surpreendente vila de Perast.

Devo dizer que visitar Perast foi uma autêntica lufada de ar fresco, pois os últimos dias passados na Grécia tinham sido abrasadores e nesta região o tempo estava fresco e agradável.

Pelo que consegui perceber, o mês de junho é o ideal para visitar esta parte dos Balcãs.

Uma breve história de Perast

À espera do barco para ir à ilha de Nossa Senhora das Rochas, em Perast.
À espera do barco para ir à ilha de Nossa Senhora das Rochas, em Perast.
Casas à beira-mar perto de Perast.
Casas à beira-mar perto de Perast.

A guia que nos acompanhou disse-nos que Perast tem 350 habitantes, o que é uma localidade pequena mas nesta zona dos Balcãs são raros os locais com muitos habitantes e a única exceção é a capital, Podgorica.

No entanto, e apesar do seu tamanho reduzido, Perast é uma importante localidade para a história de Montenegro.

Isto porque porque ao longo de muitos anos, diferentes impérios lutaram pelo controlo de Perast.

Primeiro, os bizantinos no século X, depois os sérvios nos séculos XII a XIV e, mais tarde, a poderosa República de Veneza dominou a região entre os séculos XV e XVIII.

Aliás, foi precisamente em Perast que aconteceu uma batalha crucial, em 1654, quando os venezianos venceram os otomanos, que tentavam controlar a baía de Kotor.

Portanto, a influência de Veneza é bem visível nos palácios construídos em estilo barroco, que representam a prosperidade da vila naquela época.

Enfim, Perast foi o último reduto de Veneza até a sua rendição em 1797, marcando o fim da época dourada e o início de um período menos glorioso.

Isto porque durante a Segunda Guerra Mundial, em 1941, Perast voltou temporariamente para as mãos dos italianos.

O que fazer em Perast

Visitar a Igreja de Nossa Senhora das Rochas numa excursão de cruzeiro.
Visitar a Igreja de Nossa Senhora das Rochas numa excursão de cruzeiro.
Interior da Igreja da Senhora das Rochas.
Interior da Igreja da Senhora das Rochas.
Baú de oferendas em dinheiro na Igreja da Senhora das Rochas.
Baú de oferendas em dinheiro na Igreja da Senhora das Rochas.
Canhão no exterior da Igreja de Nossa Senhora das Rochas.
Canhão no exterior da Igreja de Nossa Senhora das Rochas.
Pormenor da fachada da Igreja de Nossa Senhora das Rochas: estátua da Senhora das Rochas com o menino e uma rosácea.
Pormenor da fachada da Igreja de Nossa Senhora das Rochas: estátua da Senhora das Rochas com o menino e uma rosácea.
Donativos à saída da igreja.
Donativos à saída da igreja.
Mosteiro de São Jorge, em Perast, Montenegro.
Mosteiro de São Jorge, em Perast, Montenegro.

Visite a pequena, mas super charmosa vila de Perast, dedicando algum tempo a caminha junto ao porto, onde estão as barkas, ou embarcações tradicionais.

Depois apanhe um barco de pescadores para dar um passeio. Isto porque ao largo de Perast existem duas ilhas, a Ilha de São Jorge, que é uma ilha natural, e a Ilha de Nossa Senhora das Rochas, que é uma ilha artificial.

Não é possível visitar a Ilha de São Jorge, pois alberga um mosteiro beneditino e está interdita a visitantes. Em todo o caso, a ilha de São Jorge é minúscula e além do mosteiro e um cemitério antigo, não tem muito mais.

Por outro lado, ao lado de São Jorge, está a ilha artificial que foi construída em cima de rochas. Neste local, segundo a lenda, pescadores durante uma tempestade encontraram uma imagem de Nossa Senhora e construíram uma igreja em honra a essa Senhora.

Visitar o centro histórico de Kotor

St. Tryphon's Cathedral, em Kotor, Montenegro.
St. Tryphon’s Cathedral, ou a Catedral de Kotor, Montenegro.
Torre do Relógio, na cidade velha.
Torre do Relógio, na cidade velha.
Museu Marítimo de Kotor.
Museu Marítimo de Kotor.
Muralhas de Kotor.
Muralhas de Kotor.

Depois da visita a Perast dirigimo-nos a Kotor onde fizemos um tour pelo centro histórico e visitámos o Museu Maritimo de Kotor.

Logo à entrada, vimos o Portão Marítimo, construído em 1555, quando Kotor ainda fazia parte da República de Veneza.

Na altura, existia um leão veneziano alado por cima do portão, mas foi retirado e hoje podemos ver o brasão da RSFJ com a data da libertação de Kotor na Segunda Guerra Mundial, ou seja, 21 de novembro de 1944.

Portão Marítimo, em Kotor. Entrada para a cidade antiga de Kotor.
Portão Marítimo, em Kotor. Entrada para a cidade antiga de Kotor.
Ruas estreitas em Kotor.
Ruas estreitas em Kotor.

Não é à toa que Kotor está classificado como Património Cultural da Humanidade pela UNESCO.

O centro de Kotor é realmente bonito, com as ruas estreitas, cafés e esplanadas muito simpáticas, e além da visita em si com o guia, que nos explicou como está organizada a cidade, bem como as principais atrações turísticas de Kotor, no final ainda tivemos tempo livre para passearmos à vontade.

Vimos a Catedral de St. Tryphon, com as datas 1188 e 2016 inscritas em cada uma das torres, a praça Pjaca Sv. Tripuna, a Torre de Relógio na Praça de Armas e as muralhas da antiga Fortaleza de Kotor, até ao alto da colina.

Durante o passeio também vimos a Igreja de São Nicolau, (Crkva Svetog Nikole) uma igreja ortodoxa sérvia construída entre os anos 1902-1909.

Igreja de São Nicolau (Crkva Svetog Nikole), em Kotor. É uma igreja ortodoxa sérvia, como mostra a bandeira.
Igreja de São Nicolau.
Praça de Armas, em Kotor.
Praça de Armas, em Kotor.
Folclore e danças tradicionais em Montenegro.
Folclore e danças tradicionais em Montenegro.

E ainda deu tempo para fazermos compras, vermos atuações de grupos de danças tradicionais de Montenegro, ou seja, o tempo livre na cidade velha deu perfeitamente para vermos tudo o que queríamos.

Tudo o que precisa saber sobre as Excursões de navio em Kotor, Montenegro

Fortaleza de Kotor, Montenegro.
Fortaleza de Kotor, Montenegro.

É possível fazer o tour Kotor e Perast de forma independente, estando num cruzeiro?

Sim, é possível fazer o tour Kotor e Perast por conta própria, ou seja, sem ser numa excursão do cruzeiro, mas recomendo que faça as contas para ver se compensa.

Também deve ter em consideração que ao escolher visitar Kotor e Perast com recurso, por exemplo, a um táxi, por um lado tem maior liberdade para ir onde quer e passar o tempo que entende.

No entanto, terá de comprar os bilhetes para o barco de Perast na altura, o que significa que poderão não estar disponíveis.

Vale a pena fazer a excursão em Kotor e Perast?

Our Lady of Škrpjela, ou Nossa Senhora das Rochas.
Our Lady of Škrpjela, ou Nossa Senhora das Rochas.

Sim, sem dúvida que vale muito a pena visitar tanto Perast, como Kotor, em Montenegro, pois são lugares absolutamente lindos!

Aliás, a Baía de Kotor, que é onde Perast está situada, é um lugar incrível, com montanhas grandiosas de pano de fundo.

A vila em si é pequena, ou seja, trata-se de uma tradicional vila de pescadores, onde toda a gente se conhece.

Há tempo suficiente para conhecer Kotor e Perast?

Bocas de Cattaro, uma baía semelhante a fiorde em Montenegro.
Bocas de Cattaro, uma baía semelhante a fiorde em Montenegro.

Perast é realmente pequeno, por isso, o tempo que passámos neste lugar foi mais do que suficiente para conhecer tudo.

Além disso, como estavam à nossa espera, já tínhamos um barco para irmos até à ilha de Nossa Senhora da Rochas. Caso contrário, era necessário comprar bilhete e esperar pelo horário do barco.

Em relação ao centro histórico de Kotor, a excursão começou com uma visita guiada e visita ao Museu de Kotor, e no final tivemos tempo para explorarmos ao nosso ritmo.

Ou seja, também tivemos tempo de sobra em Kotor para vermos tudo o que queríamos.

Leia também

Veja também os tours que fizemos neste cruzeiro no Adriático:

Viajar em família, de forma frequente, com algum conforto e sem ir à falência! Somos uma Família Portuguesa a viajar pelo mundo e partilhamos tudo em passaportenobolso.com. Aqui encontra muitas dicas de viagem, bem como informações práticas sobre vários destinos na Europa, África, Ásia e América. Visitei +30 países e não planeio parar tão cedo. De vez em quando viajo sozinha… Acompanhe tudo no Instagram / Facebook / YouTube / Pinterest / Twitter.

Organize a sua viagem!

Reserve com os nossos parceiros; as marcas a seguir indicadas foram testados por nós, são de total confiança e por isso nós as recomendamos!

Além disso, ao usar estes links nós recebemos uma pequena comissão, o que nos ajuda a manter o blogue atualizado. Agradecemos a contribuição 

  • Alojamento no Booking;
  • Tours, entradas em museus, transferes de e para o aeroporto e atrações turísticas sem filas e com descontos pontuais em Get Your Guide;
  • Seguros de viagem à sua medida (inclui seguro COVID-19), com atendimento em língua portuguesa e com 5% desconto na IATI Seguros;

Não se esqueça que nós organizamos as nossas viagens e a dos nossos amigos, também podemos organizar as suas! reservapassaporte@gmail.com.

Este post pode conter links afiliados.

Partilhar Artigo

Artigos Relacionados

Uma resposta

  1. Meu deus! Paraíso! Comparado com o que eu andei, esse navio era um hotel! Gostei mesmo muito deste brilhozinho das tuas férias 🙂 A família ficou rendida aos cruzeiros?

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.