O que visitar em Londres (2024): 39 lugares icónicos p/seu roteiro

O que visitar em Londres.
Índice do artigo

Atualizado em: Janeiro 8, 2024

Descubra o que visitar em Londres em 2024, ou seja, o melhor de Londres, com este guia de atrações turísticas e tesouros escondidos na capital da Inglaterra.

Londres é uma cidade vibrante e cosmopolita, com infinitas possibilidades de turismo, oferecendo uma cultura diversificada e uma atmosfera dinâmica que convida a repetidas visitas, sempre com algo novo e emocionante para descobrir.

Este guia irá ajudá-lo a explorar os melhores lugares numa viagem de dois ou três dias, garantindo que aproveita ao máximo a sua estadia.

Mergulhe na grandiosidade de igrejas históricas e deixe-se levar pela beleza de museus com obras de arte de valor inestimável, oferecendo vislumbres de séculos de história humana e criatividade.

Além disso, desfrute da tranquilidade dos espaços verdes e não deixe de explorar os vibrantes mercados tradicionais, onde pode vivenciar a cultura local e provar iguarias deliciosas.

Para aprimorar sua experiência em Londres, incluímos um conjunto de dicas de viagem no final do artigo.

Veja os Hotéis recomendados em Londres que oferecem conforto e comodidade, permitindo que relaxe e recarregue as energias após um dia a andar de um lado para outro.

E não deixe de deliciar as suas papilas gustativas com os diversos tipos de gastronomia na cidade, desde pratos tradicionais britânicos até cozinhas internacionais que refletem o caráter multicultural de Londres.

Prepare-se, então, para embarcar numa viagem inesquecível pelas ruas cativantes de Londres. Deixe que este guia seja a sua bússola enquanto navega no coração movimentado de Inglaterra.

O que visitar em Londres: lugares icónicos

Explore o Palácio de Buckingham (Buckingham Palace): a residência oficial do monarca britânico

Palácio de Buckingham

O Palácio de Buckingham, repleto de esplendor real, é a residência oficial do monarca britânico.

Embora o palácio em si não esteja aberto ao público, os visitantes têm a oportunidade de explorar a sua grandeza durante as datas designadas. Geralmente, estas datas vão de julho a outubro.

Para determinar se o rei está presente no palácio durante a sua visita, basta observar as bandeiras hasteadas.

Quando a Union Jack (bandeira do Reino Unido) é hasteada, significa que o rei está ausente. No entanto, se a bandeira do Estandarte Real for orgulhosamente exibida, isto sinaliza a sua presença dentro das paredes do palácio.

Localizado em SW1A 1AA, Reino Unido, o Palácio de Buckingham é um marco icónico e um símbolo da herança real. Embora não tenha acesso a todos os cantos desta residência, um vislumbre do seu exterior e do St. James’s Park é uma experiência imperdível.

Mergulhe na rica história e grandeza arquitetónica que o Palácio de Buckingham incorpora e maravilhe-se com as tradições e opulência associadas à monarquia britânica.

Desvende o Fascínio da Elizabeth Tower: Big Ben, mais do que um simples sino

Elizabeth Tower (O que visitar em Londres).
Elizabeth Tower.

Contrariamente à crença popular, Big Ben não é o nome da torre em si, mas sim do famoso sino que nela está alojado.

Erguendo-se orgulhosamente no coração de Westminster, em Londres, este marco icónico tem uma história rica e um fascínio cativante.

Curiosamente, em 2012, a torre passou por uma renomeação simbólica para Torre Elizabeth, em comemoração ao Jubileu de Diamante da Rainha Elizabeth II.

A majestosa torre, adornada com detalhes góticos intrincados, serve como uma sentinela firme, observando as movimentadas ruas da cidade.

Localizado em Westminster, Londres SW1A 0AA, Reino Unido, o Big Ben cativa a imaginação de visitantes de todo o mundo. A sua presença e badalos ressonantes do sino tornaram-se sinónimos do espírito de Londres e de suas tradições duradouras.

Enquanto passeia nas margens do rio Tamisa, a grandiosidade do Big Ben deixa uma marca marcante na sua experiência em Londres.

Descubra o London Eye: Vistas cativantes e experiências inesquecíveis

London Eye
O que visitar em Londres: London Eye.

O London Eye, também conhecido como Millennium Wheel, é uma icónica roda de observação situada no coração de Londres.

Revelada na véspera do novo milénio, de 31 de dezembro de 1999 a 1 de janeiro de 2000, deteve o título de maior roda de observação do mundo até 2006.

O seu design inovador e cápsulas de última geração proporcionam aos visitantes uma experiência única, permitindo-lhes contemplar a paisagem urbana.

Localizada em The Queen’s Walk, Bishop’s, Londres SE1 7PB, Reino Unido, a London Eye é um símbolo proeminente da modernidade e espírito cosmopolita de Londres.

A sua posição estratégica ao longo da margem do rio torna-a facilmente acessível e uma atração imperdível tanto para moradores quanto para turistas.

Seja numa viagem durante o dia ou apreciando as luzes cintilantes da cidade à noite, um passeio no London Eye promete ser uma experiência inspiradora.

Explore a Torre de Londres (Tower of London): de residência real a cofre de joias da coroa

Torre de Londres (London Tower).
O que visitar em Londres: a Torre de Londres (London Tower).

A Torre de Londres, um magnífico castelo com uma fundação que remonta a 1066, ergue-se orgulhosamente nas margens do Rio Tamisa.

Ao longo da sua existência, este marco icónico desempenhou várias funções, incluindo residência real, prisão, arsenal e sede da Casa da Moeda Real, entre outras.

A imponente arquitetura e os detalhes do castelo transportam os visitantes para uma era passada, onde contos de reis, rainhas e figuras lendárias ganham vida.

Embora haja uma taxa de entrada para visitar a Torre de Londres, vale muito a pena o investimento.

Um dos destaques da visita é explorar as Joias da Coroa, uma deslumbrante coleção que inclui coroas, cetros e gemas deslumbrantes.

Além das Joias da Coroa, a Torre de Londres tem uma infinidade de outras atrações fascinantes.

Faça um tour guiado e mergulhe nas histórias de seus famosos prisioneiros, como Anne Boleyn e Sir Walter Raleigh, que foram mantidos dentro destas paredes.

Explore a Torre Branca medieval, que tem uma exposição de armas e armaduras, e que mostra a evolução da guerra ao longo dos séculos.

Localizada em Londres EC3N 4AB, Reino Unido, a Torre de Londres é acessível de transporte públicos. Por isso, deve estar no topo da sua lista de atrações imperdíveis na cidade.

Tower Bridge: um ícone vitoriano que atravessa o rio Tamisa

Tower Bridge em Londres
O que fazer e visitar em Londres: Tower Bridge.

Tower Bridge, com seu design icónico, é um dos marcos mais famosos do mundo.

Esta magnífica estrutura, construída no distintivo estilo vitoriano, atravessa graciosamente o Rio Tamisa, ligando os distritos de Londres.

Mas a importância da ponte vai além do seu esplendor arquitetónico!

Ela serve como uma importante ligação de transporte, permitindo que veículos, peões e até mesmo o tráfego fluvial passem por suas imponentes básculas.

Presenciar a elevação da ponte para a passagem de navios é um espetáculo imperdível, acredite!

Uma visita à Tower Bridge é uma oportunidade para mergulhar na sua fascinante história e engenharia.

Veja a exposição localizada nas torres da ponte, onde painéis informativos contam a história da sua construção e mostram as máquinas responsáveis pelo seu funcionamento.

Em seguida, faça um passeio tranquilo, admirando as vistas do horizonte de Londres e vendo marcos icónicos como a Torre de Londres nas proximidades.

A localização da ponte em estreita proximidade com a Torre de Londres são a oportunidade perfeita para visitar ambas as atrações.

Localizada em Tower Bridge Rd, London SE1 2UP, Reino Unido, a Tower Bridge é facilmente acessível de transportes públicos e recebe visitantes para descobrir sua grandiosidade e significado histórico.

Visitas Guiadas ao Palácio de Westminster: Uma Experiência Única de Imersão no Governo Britânico

O Palácio de Westminster, também conhecido como Casas do Parlamento, ergue-se como o proeminente centro do governo no Reino Unido.

Este magnífico monumento de estilo neo-gótico possui uma imensa importância histórica e política, representando o coração da democracia britânica.

Se estiver ansioso para explorar o Palácio de Westminster, é importante notar que visitas guiadas estão disponíveis aos sábados durante os meses de verão.

Estas visitas são uma oportunidade única de entrar no edifício icónico, descobrir a sua arquitetura e mergulhar na história que se desenrola em suas paredes.

O Palácio de Westminster está situado na área de Westminster, em Londres, com sua localização exata sendo Westminster, Londres SW1A 0AA, Reino Unido.

Esta localização privilegiada permite que os visitantes cheguem lá facilmente e vivenciem os tesouros culturais e históricos que o cercam, incluindo a Abadia de Westminster, o Palácio de Buckingham e o icônico Big Ben.

Mergulhe na atmosfera cativante do Palácio de Westminster, onde os ecos do discurso político e o espírito da democracia ressoam.

Ruas de Londres.
Explorara as ruas de Londres (o que fazer e visitar em Londres).

Piccadilly Circus: o animado ponto de encontro de Londres

Piccadilly Circus, uma praça movimentada no coração de Londres, é um destino imperdível que deve estar no topo da sua lista de pontos turísticos.

Esta praça icónica serve como ponto de encontro para seis importantes ruas de Londres: Regent Street, Piccadilly, Shaftesbury Avenue, Haymarket, Coventry Street e Glasshouse Street.

O que diferencia Piccadilly Circus é a sua atmosfera vibrante e a presença de ecrãs publicitários, incluindo painéis e placas, que lhe valeram a alcunha de Times Square de Londres.

Ao passear por esta praça animada, ficará cativado pela energia vibrante e pelo deslumbrante espetáculo de luzes.

Piccadilly Circus é sinónimo de entretenimento e emoção, oferecendo uma ampla variedade de atrações. É onde estão famosos teatros, bares vibrantes, restaurantes requintados e o famoso Trocadero, um amplo centro de jogos repleto de atividades emocionantes.

Com a sua agitação constante e ambiente animado, Piccadilly Circus é um ponto de encontro popular tanto para habitantes de Londres, como para visitantes.

Seja para desfrutar de uma noite de teatro, ter uma experiência gastronómica ou simplesmente mergulhar na atmosfera vibrante, Piccadilly Circus promete ficar na memória.

Trafalgar Square: explore a histórica praça pública de Londres

O que visitar em Londres: Trafalgar Square.
O que visitar em Londres: Trafalgar Square.

Trafalgar Square é uma praça pública no centro de Londres, Inglaterra. Está localizada no bairro de Westminster e recebeu o nome da Batalha de Trafalgar, uma vitória naval britânica nas Guerras Napoleónicas.

A praça é um destino turístico popular e tem vários marcos notáveis, incluindo o monumento da Coluna de Nelson, que fica no centro da praça e homenageia o almirante Horatio Nelson, que morreu na Batalha de Trafalgar. A praça também tem quatro plinths, que exibem estátuas de figuras importantes da história britânica.

Além do seu significado histórico e cultural, Trafalgar Square é um centro de atividades e é usado para vários eventos e reuniões, como protestos, festivais e apresentações, bem como a famosa árvore de Natal que anualmente anima a região.

Descubra a Movimentada Oxford Street: Um Mundo de Compras e Gastronomia

A Oxford Street, localizada no coração de Londres, é sem dúvida uma das ruas comerciais mais movimentadas e vibrantes do mundo.

Com mais de 300 lojas e restaurantes, tornou-se um verdadeiro paraíso para os compradores.

Ao percorrer a Oxford Street, será imerso num mundo onde uma vasta seleção de marcas famosas, boutiques de moda de luxo, grandes armazéns e lojas independentes aguardam por carteiras recheadas!

Desde lojas principais às boutiques exclusivas de designer, a Oxford Street tem uma variedade de experiências de compras para todos os gostos e estilos.

Mas a Oxford Street não se resume apenas a compras.

É também um centro de atividades, onde artistas de rua entretêm os transeuntes e deliciosos aromas emanam dos inúmeros cafés e restaurantes que se encontram ao longo da rua.

Faça uma pausa nas suas compras e desfrute de uma refeição ou um café rápido, mergulhando na atmosfera energética deste destino icónico de Londres.

Com sua localização central, a Oxford Street é facilmente acessível por transporte público, tornando-se um destino conveniente e popular tanto para os habitantes locais como para os turistas.

Portanto, se está pronto para se aventurar numa viagem de compras, vá até a Oxford Street e mergulhe no encanto deste paraíso comercial.

Explore Notting Hill: uma viagem cinematográfica pelo famoso bairro de Londres

Notting Hill, o famoso bairro britânico que ganhou fama mundial através do filme com o mesmo nome, oferece aos visitantes uma experiência incrível.

O próprio filme retratou várias cenas passadas nesta zona, incluindo o icónico Mercado de Portobello.

Deixe-se envolver pela atmosfera distintiva de Notting Hill enquanto passeia pelas suas ruas ladeadas por coloridas casas vitorianas.

O bairro emana um charme único, com boutiques, cafés acolhedores e elegantes lojas independentes.

O vibrante Mercado de Portobello, que desempenhou um papel proeminente no filme, é um verdadeiro tesouro de antiguidades, com, por exemplo, roupas vintage, colecionáveis ecléticos e iguarias de rua.

Para além das associações cinematográficas, Notting Hill tem um rico património cultural e uma comunidade diversa.

O bairro é conhecido pelo seu evento anual de Carnaval de Notting Hill, uma celebração da cultura caribenha, música e dança. Viva os ritmos pulsantes, os deslumbrantes trajes e a energia contagiante deste evento, que atrai visitantes de todo o mundo.

Notting Hill também tem belos jardins comunitários, como os famosos Kensington Gardens e Holland Park.

Estes espaços verdes oferecem um refúgio tranquilo, proporcionando a oportunidade de relaxar, desfrutar de um piquenique ou simplesmente apreciar a beleza natural.

Localizado no oeste de Londres, é muito fácil chegar a Notting Hill de transporte público. Se é fã do filme ou simplesmente procura um bairro vibrante para explorar, Notting Hill promete uma experiência com charme contemporâneo.

A Ponte do Milénio (Millenium Bridge)

O que visitar em Londres: Millenium Bridge.
O que fazer e visitar em Londres: atravessar a Millenium Bridge.

A Ponte do Milénio é uma impressionante ponte suspensa para peões feita de aço.

No entanto, ela ficou envolta em polémica devido a problemas de segurança e acabou encerrada para obras apenas dois dias após a sua inauguração.

Apesar das questões relacionadas com a segurança, a Ponte do Milénio oferece uma vista deslumbrante do Rio Tamisa e uma experiência única ao atravessar o famoso rio a pé. Mas confesso que não tive coragem de cruzar a ponte por causa do meu problema com vertigens…

Localizada no coração de Londres, a ponte proporciona uma vista da cidade muito interessante, com destaque para a Catedral de São Paulo, que fica ao lado. Aliás, a imponência da catedral e a grandiosidade do rio criam uma paisagem deslumbrante que vale a pena apreciar.

Embora tenha sido necessário realizar obras para resolver os problemas de segurança, a Ponte do Milénio continua a ser um marco icónico na paisagem londrina. É um local frequentado por turistas e moradores locais em busca de momentos de contemplação e fotografia.

Mesmo que eu não tenha tido a oportunidade de atravessar a ponte, a sua presença e a paisagem que a cerca certamente fazem dela um ponto de referência inesquecível na cidade de Londres.

Soho depois de anoitecer: explore a vida noturna eclética no centro de Londres

Soho, um distrito vibrante em Londres, é conhecido pelo seu ambiente de festa animado, oferecendo uma infinidade de opções de entretenimento que ganham vida quando o sol se põe.

Este bairro animado é um refúgio para aqueles que procuram uma noite memorável, com uma diversidade de restaurantes ecléticos, bares modernos e clubes de música pulsantes.

Quando se trata de gastronomia, Soho satisfaz todos os paladares e preferências culinárias. Desde restaurantes com estrelas Michelin até restaurantes peculiares e bancas de comida de rua, há algo para satisfazer todos os desejos. Por outro lado, se está com vontade de experimentar cozinha internacional, pratos fusion ou pratos tradicionais britânicos, Soho também tem!

Após desfrutar de uma refeição deliciosa, a vida noturna em Soho ganha vida. O distrito tem vários bares, cada um com a sua própria atmosfera única e coquetéis exclusivos. Ou seja, desde elegantes lounges até pubs tradicionais e bares clandestinos escondidos atrás de fachadas discretas, há um lugar para todos os gostos e estados de espírito.

A vida noturna animada e de Soho estende-se até altas horas da madrugada, tornando-o um destino imperdível para aqueles que procuram emoção e diversão.

Com um ambiente de festa e uma infinidade de opções, Soho é, sem dúvida, um bairro que nunca dorme, proporcionando uma experiência emocionante e inesquecível para aqueles que querem conhecer a vida noturna de Londres.

Leicester Square: O Epicentro das Estreias de Cinema e do Glamour

Leicester Square, um centro movimentado no coração de Londres, é conhecido pela sua associação com grandes estreias de cinema, especialmente no lendário cinema Odeon localizado dentro da praça.

Considerado um dos principais pontos de encontro para os amantes de cinema, Leicester Square afirmou-se como um destino imperdível para os cinéfilos em busca dos últimos lançamentos de sucesso e eventos repletos de estrelas.

Além das ligações com o mundo do cinema, Leicester Square tem outras opções de entretenimento.

Assim, pode explorar os teatros, com produções de classe mundial até espetáculos mais intimistas, que atraem tanto moradores locais como visitantes de todo o mundo.

Além da sua importância cultural, Leicester Square tem também uma vibrante vida noturna.

A praça tem bares, pubs e clubes, oferecendo uma mistura de locais modernos e estabelecimentos tradicionais. Por isso, se está à procura de um lugar para uma bebida relaxante, uma noite de dança ou apresentações de música ao vivo, Leicester Square é o lugar a ir.

Localizado no coração do West End de Londres, é fácil chegar a Leicester Square de transportes públicos.

A sua localização central permite que os visitantes explorem as áreas circundantes, como por exemplo o bairro chinês de Chinatown e o bairro de Covent Garden.

Palácio de Kensington: conheça o legado real e a residência da princesa Diana

Palácio de Kensington, localizado no coração dos Jardins de Kensington, em Londres, tem um lugar significativo na história britânica e é conhecido por sua associação com a Princesa Diana, que residiu no palácio durante sua vida.

Hoje, partes do Palácio de Kensington, juntamente com seus jardins, estão abertas ao público, permitindo que eles mergulhem na herança e nas histórias que cercam esta residência real.

Explore os grandiosos Apartamentos de Estado, adornados com obras de arte e mobiliário, que já foram palco de cerimónias suntuosas e testemunharam as vidas da realeza.

O palácio também tem exposições sobre a vida e legados dos seus antigos moradores.

Descubra os detalhes íntimos da vida da Princesa Diana, seu trabalho humanitário e seu impacto duradouro no mundo. Conheça as histórias fascinantes de outras figuras notáveis que viveram no Palácio de Kensington, como por exemplo a Rainha Victoria e seu amado Príncipe Albert.

Do lado de fora, os jardins do Palácio de Kensington convidam a passeios demorados.

O Palácio de Kensington não é apenas um marco histórico, mas um testemunho vivo da herança duradoura da monarquia britânica.

Descubra o legado de William Shakespeare no Shakespeare’s Globe

O Globe de Shakespeare é uma reconstrução do Teatro Globe original, que foi tragicamente destruído por um incêndio em 1613.

Esta fiel recriação é um testemunho do legado duradouro de William Shakespeare e das suas obras icónicas.

Localizado na Rua New Globe, 21, em Londres, o Globe de Shakespeare oferece aos visitantes uma oportunidade única de viver a magia do teatro elisabetano.

Volte no tempo ao entrar no anfiteatro ao ar livre, com o seu telhado de palha e estrutura de madeira que lembra o design original. Mergulhe na atmosfera vibrante e imagine os espetáculos que cativaram as plateias durante o Renascimento.

Embora o Globe de Shakespeare seja conhecido pelas produções de peças de Shakespeare, ele oferece mais do que apenas apresentações ao vivo.

Visitas guiadas estão disponíveis para quem quer explorar a história do teatro e aprender sobre a era elisabetana.

Explore a área de exposições, onde pode descobrir artefactos, figurinos e exposições interativas que dão vida ao passado.

Para os entusiastas de teatro e amantes de Shakespeare, uma visita ao Globe de Shakespeare é imprescindível.

London Dungeon: Explore o Lado Negro da Masmorra de Londres

O que visitar em Londres: London Dungeon.
O que fazer e visitar em Londres: London Dungeon.

O London Dungeon é um intrigante parque de diversões que oferece aos visitantes uma experiência única e imersiva, explorando os aspectos sombrios e macabros da história britânica, tudo apresentado com um toque inteligente de humor.

Embora não esteja entre as principais atrações de Londres, ele tem o seu próprio apelo para determinados públicos.

Isto porque o London Dungeon leva os visitantes numa empolgante viagem através do tempo, onde encontram personagens notórios, testemunham reencenações dramáticas de eventos históricos sangrentos e ouvem contos arrepiantes do passado da cidade.

Lá ficará cara a cara com criminosos famosos, ruas atingidas pela peste e os horrores da Torre de Londres. Os talentosos atores e os efeitos especiais trabalham juntos para criar uma atmosfera verdadeiramente imersiva e arrepiante.

Embora possa não ser adequado para todos devido à sua natureza gráfica e intensa, o London Dungeon oferece uma combinação única de entretenimento e educação.

Localizado convenientemente perto do London Eye, é fácil chegar ao London Dungeon de transportes públicos.

Por isso, se decidir visitar esta atração turística, dirija-se para The Queen’s Walk, Bishop’s, London SE1 7PB, Reino Unido, onde o London Dungeon aguarda para levá-lo numa viagem arrepiante às profundezas do passado sombrio de Londres.

The Shard London Bridge: A Striking Pyramid-shaped Skyscraper in the Heart of London

Shard London Bridge.
O que fazer e visitar em Londres: Shard London Bridge.

O Shard London Bridge é um arranha-céus em Londres que tem a particularidade de ter a forma de pirâmide.

Tem 310 metros e é atualmente é o edifício mais alto do Reino Unido e o quarto edifício mais alto da União Europeia.

O Shard foi projetado pelo arquiteto italiano Renzo Piano e foi concluído em 2012. É um edifício de uso misto, com escritórios, restaurantes, hotel e apartamentos residenciais, cujo design de vidro distinto do e a forma piramidal nítida o tornam num marco reconhecível no horizonte de Londres.

O The Shard tem vários decks de observação, incluindo o View from The Shard, com vistas panorâmicas da cidade a partir dos andares 72 e 69. The Shard também tem o Shangri-La Hotel, um hotel de luxo que ocupa os andares 34 a 52.

Localização do Shard London Bridge: 32 London Bridge St, London SE1 9SG, Reino Unido.

O que visitar em Londres: igrejas, abadias e catedrais

Londres à noite.
Passear junto ao Tamisa à noite.

Casamentos Reais e Coroações: O Significado da Abadia de Westminster em Londres

A Abadia de Westminster, oficialmente conhecida como a Igreja Colegiada de São Pedro de Westminster, ocupa um lugar significativo na história e tradição britânicas.

Esta abadia não é apenas um local de culto, mas também o lugar onde eventos importantes da monarquia ocorrem, incluindo coroações e casamentos de membros da família real.

O interior exala solenidade, adornado com inúmeros sepulcros que servem como local de descanso final para mais de 3.300 pessoas.

Localizada em 20 Deans Yd, Westminster, Londres, a abadia é um testemunho de séculos de brilhantismo arquitetónico e significado espiritual.

Aprecie a arquitetura gótica, detalhes nas paredes e majestosos vitrais que deixam os visitantes maravilhados com a sua beleza e importância histórica.

Uma visita à Abadia de Westminster oferece um vislumbre das vidas e legados de reis, rainhas, estadistas, poetas e inúmeros outros personagens importantes que moldaram o curso da história britânica.

Além disso, as capelas, monumentos e memoriais da abadia contam histórias de coragem, liderança e realizações artísticas.

A Catedral de São Paulo: uma joia anglicana e um marco icónico de Londres

O que visitar em Londres: A Catedral de São Paulo.
O que visitar e fazer em Londres: conhecer a Catedral de São Paulo.

A Catedral de São Paulo é um famoso local anglicano de culto e serve como a sede do Bispo de Londres.

Com a sua cúpula majestosa e impressionante arquitetura, ela se destaca no horizonte de Londres.

Embora a Catedral de São Paulo tenha testemunhado inúmeros eventos significativos ao longo da história, um que capturou a atenção global foi o casamento de Charles e Diana em 1981.

A grandiosidade da catedral proporcionou um cenário deslumbrante para esta união real, deixando uma marca indelével na memória coletiva das pessoas em todo o mundo.

Localizada em Londres EC4M 8AD, Reino Unido, a Catedral de São Paulo está situada no coração da cidade, tornando-a facilmente acessível para visitantes e fiéis. Aliás, a sua localização central permite que visite outras atrações turísticas próximas, incluindo as ruas da City of London e os marcos culturais ao longo do rio Tamisa.

Suba à famosa Galeria dos Sussurros, onde a acústica única permite que sussurros sejam ouvidos no lado oposto da cúpula. Para aqueles que procuram um desafio físico, a subida até a Galeria Dourada proporciona vistas deslumbrantes da paisagem urbana.

O que visitar em Londres: museus (alguns gratuitos)

Tate Modern.
Tate Modern.

Um viagem ao passado no Museu Britânico

O Museu Britânico é uma instituição de renome mundial localizada na Great Russell Street, Bloomsbury, isto é, em Londres.

Ele tem uma coleção excecional de peças e obras de arte de várias civilizações e períodos históricos.

Um aspecto notável do Museu Britânico é que a entrada é gratuita para todos os visitantes.

Isso significa que qualquer pessoa pode explorar seus vastos corredores e descobrir os tesouros dentro dele sem ter que pagar uma taxa de entrada.

No entanto, doações são muito apreciadas e contribuem para a operação contínua do museu e a preservação de suas coleções.

A arquitetura impressionante e a grandiosidade do prédio em si refletem a importância dos tesouros que ele guarda.

Desde múmias egípcias antigas e esculturas gregas até peças da Mesopotâmia e obras-primas renascentistas, o museu oferece uma jornada cativante pela história da humanidade.

As coleções do Museu Britânico são organizadas por região e cronologia, permitindo que os visitantes mergulhem em culturas específicas ou explorem a ligação das civilizações.

Cada exposição conta uma história, lançando luz sobre as crenças e vida cotidiana das pessoas em todo o mundo.

Além das suas coleções permanentes, o Museu Britânico tem também exposições temporárias que exploram temas específicos ou exibem peças únicas.

Veja os Esqueletos de Diplodocus e Mastodonte no Museu de História Natural em Londres

O Museu de História Natural em Londres é uma instituição cativante que oferece entrada gratuita aos visitantes.

As suas principais atrações incluem a exposição dos esqueletos de um diplodocus e de um mastodonte, ambos originários do Chile.

Localizado na Cromwell Road, South Kensington, o Museu de História Natural tem uma impressionante coleção de espécimes, artefactos e exposições interativas que exploram as maravilhas do mundo natural.

Desde fósseis antigos a deslumbrantes gemas, o museu oferece uma visão abrangente da diversidade da vida na Terra.

Um dos destaques do museu é o esqueleto de um diplodocus, um magnífico dinossauro que percorreu a Terra há milhões de anos.

Outra exposição notável é o esqueleto de um mastodonte, um mamífero massivo da Era do Gelo. A sua presença e detalhes mostram o mundo pré-histórico e a história evolutiva dos habitantes da Terra.

Planeie uma visita ao Museu de História Natural na Cromwell Road, South Kensington, Londres SW7 5BD, Reino Unido, e embarque numa viagem pelo passado e presente de nosso planeta.

A Celebração da Arte: Explore a National Gallery em Londres

A National Gallery, localizada na Praça de Trafalgar, Charing Cross, em Londres, é uma prestigiada galeria de arte que tem uma extraordinária coleção de obras-primas.

Desde as obras de Johannes Vermeer e os traços revolucionários de Paul Cézanne até as paisagens encantadoras de Claude Monet e os retratos atemporais de Rembrandt, a galeria tem uma variedade de expressões artísticas.

Os visitantes têm o privilégio de admirar obras icónicas de Vincent Van Gogh, Michelangelo, Raphael, Leonardo da Vinci e Sandro Botticelli, entre muitos outros. Cada pintura conta uma história, encapsulando a visão, emoções e brilhantismo técnico do artista.

A National Gallery serve como um refúgio para entusiastas da arte, oferecendo uma experiência imersiva que transporta os visitantes para o mundo da criatividade e da beleza. A magnífica arquitetura da galeria e as exposições cuidadosamente selecionadas criam um ambiente harmonioso para apreciar o poder e o impacto da arte.

Localizada na Praça de Trafalgar, Charing Cross, Londres WC2N 5DN, Reino Unido, a National Gallery convida os visitantes a mergulhar no mundo da arte.

Visite Tate Modern: onde artistas internacionais mostram sua criatividade

O Tate Modern é uma galeria de arte moderna que mostra obras de artistas internacionais.

Entre as mais famosas estão “O Beijo” de Auguste Rodin, “A Incerteza do Poeta” de Giorgio de Chirico e “Em Direção ao Canto” de Juan Munoz.

Localizada em Bankside, Londres SE1 9TG, Reino Unido, o Tate Modern é uma instituição de renome que oferece aos visitantes uma imersão no mundo da arte contemporânea.

Com as suas exposições inovadoras e coleções de obras de destaque, a galeria é um ponto de encontro para apreciadores de arte de todo o mundo.

Além das obras permanentes e exposições temporárias, o Tate Modern também tem eventos culturais, palestras, workshops e programas educacionais para pessoas de todas as idades.

É, enfim, um espaço dinâmico que promove a interação, o diálogo e a apreciação da arte contemporânea.

Centro de Londres.
Centro de Londres.

Descubra a magia do Madame Tussauds: museus de cera realistas

O Madame Tussauds é uma cadeia mundialmente conhecida de museus de cera.

Com sua presença abrangendo diferentes países, o Madame Tussauds tornou-se sinónimo de diversão e encontros com celebridades.

Uma das localizações notáveis do Madame Tussauds é em Hong Kong, onde se tornou uma atração turística popular.

Localizado na Marylebone Road, Marylebone, Londres NW1 5LR, Reino Unido, o Madame Tussauds em Londres é um destino icónico que convida os visitantes a explorarem o mundo das figuras de cera.

O museu tem uma extensa coleção de estátuas meticulosamente criadas, apresentando personalidades de diversas esferas e influência.

De estrelas de Hollywood e lendas da música a figuras políticas e do desporto, o Madame Tussauds oferece uma experiência interativa e imersiva. Os visitantes podem posar para selfies com as suas figuras favoritas e até mesmo ver como é a a arte da criação de figuras de cera.

O Madame Tussauds continua a evoluir e expandir a sua coleção, garantindo que os visitantes têm a oportunidade de se envolver com os últimos fenómenos culturais e ícones contemporâneos.

Uma Viagem pela Arte e Design: Revelando os Tesouros do Museu Victoria and Albert

O Museu Victoria and Albert, também conhecido como V&A, tem fama peça sua vasta coleção de mais de 4,5 milhões de objetos, tornando-o um dos maiores museus do mundo.

Localizado na Cromwell Road, Knightsbridge, Londres SW7 2RL, Reino Unido, o Museu Victoria and Albert é um verdadeiro tesouro de arte, design e artefactos históricos.

A sua extensa coleção permanente inclui escultura, cerâmica, têxteis, moda, fotografia e muito mais.

Os visitantes do museu podem explorar séculos de criatividade e inovação, encontrando obras de arte requintadas, artesanato e peças de design únicas.

Desde relíquias antigas até obras-primas contemporâneas, o Museu Victoria and Albert é um lugar imperdível em Londres.

Explorar as maravilhas da ciência: uma jornada pelo Museu da Ciência de Londres (Science Museum)

O Museu de Ciência de Londres é um destino cativante que certamente encantará os entusiastas da ciência.

Um aspeto notável deste museu é que a entrada é gratuita, permitindo que os visitantes mergulhem no mundo da ciência sem nenhuma barreira financeira.

Localizado na 64 Exhibition Road, South Kensington, Londres SW7 2DD, Reino Unido, o Museu de Ciência oferece uma infinidade de exposições interativas e demonstrações informativas.

Explore os mistérios da biologia humana, os avanços em tecnologia e engenharia no Museu de Ciência.

A abordagem imersiva e prática do museu garante uma experiência enriquecedora.

Para entusiastas da ciência e mentes curiosas, uma visita ao Museu de Ciência promete uma viagem de descoberta extraordinária.

Desvende os mistérios de Sherlock Holmes no Museu Sherlock Holmes em Londres

Há algum fã do brilhante detetive Sherlock Holmes entre nós? Se sim, prepare-se para uma surpresa!

Na sua próxima visita a Londres, poderá explorar um museu inteiramente dedicado a esse personagem!

Localizado na Baker Street, número 221b, Marylebone, Londres NW1 6XE, Reino Unido, o Museu Sherlock Holmes oferece uma experiência que transporta os visitantes para o mundo do detetive criado por Arthur Conan Doyle.

Entre nos sapatos do Dr. Watson e acompanhe Holmes nas suas emocionantes investigações.

O museu está instalado numa casa vitoriana, meticulosamente recriada para se assemelhar à residência fictícia de Sherlock Holmes.

Desde o escritório repleto de livros e a coleção de cachimbos de Holmes, o museu captura a essência da Baker Street, número 221b, e dá vida ao mundo de Sherlock Holmes.

Por isso, não perca a oportunidade de entrar no mundo do lendário detetive e embarcar numa viagem de mistério e suspense.

O que visitar em Londres: os parques e espaços verdes

Parques Reais em Londres

Hyde Park

O Hyde Park é um dos oito parques reais em Londres e ocupa uma área de 2,5 km2, sendo por isso, o maior parque londrino.

No entanto, o seu ponto mais famoso é o Speakers’ Corner ou a esquina do orador, tradicionalmente o local onde qualquer pessoa poderia fazer fazer uma declaração, por norma relacionada com política.

Por outro lado, no dia 6 de julho de 2002 foi inaugurad o Memorial a Diana, uma fonte de autoria de Kathryn Gustafson que pretende homenagear a princesa.

Regent’s Park

Regent’s Park é outro parque real em Londres e é o sítio ideal se precisa fazer uma pausa com as suas crianças, pois aqui existem quatro parques infantis. Também é considerado por muitos o parque londrino mais bonito.

Além disso, a partir do Primrose Hill poderá usufruir de uma vista espantosa sobre a cidade.

St. James Park

O St. James Park é o parque real mais antigo de Londres e estende-se por uma área aproximada de 23 hectares.

Tem, por isso, muito espaço para passear!

Green Park

Esquilos nos jardins de Londres.
Esquilos nos jardins de Londres.

O Green Park é um parque real em Londres que tem a particularidade de ser constituído quase em exclusividade por prados, isto é, não tem grandes atrações como lagos ou zonas de entretenimento.

Richmond Park

O Richmond Park além de ser um parque real, é também Reserva Natural Nacional.

Este é um passeio para um dia inteiro, pois tem realmente muitas coisas para ver e fazer no Richmond Park, das quais damos especial destaque à observação de veados, a Plantação de Isabella (Isabella Plantation) que é um jardim ornamental com plantas exóticas e o Monte do Rei Henrique (King Henry’s Mound) que oferece vistas fabulosas sobre o Rio Tamisa.

The Jubilee Gardens

Os jardins do Jubileu estão localizados junto à famosa London Eye e apesar de serem pequeno em comparação com os parques reais, não deixe de os visitar porque de facto são muito agradáveis.

O que visitar em Londres: mercados tradicionais

Covent Garden

Covent Garden é uma animada zona de entretenimento em Londres, mas para uma experiência mais intensa tomamos a liberdade de sugerir que visite o mercado de Covent Garden e assista a umas das muitas atuações de artistas de rua.

Localização de Covent Garden: West End, Londres.

Borough Market

Borough Market.
Borough Market.

O Borought Market é um dos maiores e mais antigos mercados londrinos e que deve, ser dúvida, fazer parte da sua lista de o que visitar em Londres.

Tem vários restaurantes, assim como banquinhas de comida, fruta e vegetais, enlatados, doces, enfim, uma perdição.

Curiosamente foi em Borough Market que vi uma banca com conservas portuguesas. Parece que os londrinos gostam muito das latinhas de sardinha, atum e outras especialidades dos mares portugueses.

Localização do Borogh Market: 8 Southwark St, London SE1 1TL, Reino Unido.

Mercado Camden Lock

O Mercado de Camden Lock é imenso e tem um vasto leque de produtos à venda, desde acessórios, máquinas fotográficas, roupa, enfim, um pouco de tudo.

No entanto o que nos chamou mais a atenção foi a parte da restauração, nomeadamente a diversidade de barraquinhas que vendem comidas de todo o mundo!

Por isso, tenha esta informação em mente e planeie visitar Camden Lock perto da hora de almoço.

Mercado das flores de Columbia Road

Todos os domingos e desde 1869 acontece na Columbia Road um perfumado mercado das flores, que atrai visitantes à procura das flores mas também turistas maravilhados pela explosão de cores.

Localização do Mercado das Flores: Columbia Rd, London E2 7RG, Reino Unido.

Brick Lane Market

Banca de mercado de rua.
Banca de mercado de rua.

A zona de Brick Lane à muito está associada à comunidade asiática, o que faz com que pareça que está a viajar para um país diferente.

Assim, a melhor altura de visitar Brick Lane é aos domingos que é quando as ruas se enchem de barraquinhas e formam um muito agradável mercado, o Brick Lane Market.

Localização do Brick Market: Brick Ln, Spitalfields, London E1 6QR, Reino Unido.

Portobello Road Market

O Portobello Market é o maior mercado de antiguidades do mundo e é famoso exatamente pelas antiguidades mas também pelas roupas em segunda mão.

Acontece todos os sábados, por isso sugerimos que planeie o seu roteiro em Londres de forma a ter o sábado livre para visitar o Portobello Road Market.

Localização do Portobello Road Market: Portobello Rd, Notting Hill, London W10 5XL, Reino Unido.

Gastronomia e comida típica em Londres

Fish and Chips junto à London Tower.
Fish and Chips junto à London Tower.

Em Londres poderá experimentar comida de todo o mundo, no entanto, neste artigo apenas lhe vamos falar dos pratos mais tradicionais.

Full English Breakfast

Assim, para começar o dia, experimente o Full English Breakfast, que costuma incluir ovos, bacon, salsichas, feijão, cogumelos, tomate assado, morcela e pão torrado a acompanhar.

Com um pequeno-almoço destes não deve sentir fome antes do almoço, mesmo caminhando bastante em Londres.

Fish and Chips

O Fish and Chips é um prato de almoço popular, até porque é rápido. O filete de peixe é mergulhado num polme de farinha e depois frito em óleo abundante. Acompanha com batatas fritas e, dependendo do restaurante, pode ter molhos (tártaro ou ketchup)

Apesar de encontrar este prato típico em restaurantes de bairro e em roulotes (food truck) junto aos principais parques da cidade, um dos lugares mais tradicionais que serve Fish and Chips em Londres é no The Fryer’s Delight.

Bangers and Mash

Bangers and Mash, ou puré com salsichas, é outro prato típico para encher estômagos em dias frios. O molho é robusto e dá bastante sabor ao puré.

Em Covent Garden tem o MotherMash que é especializado neste prato, aliás, pode escolher o tipo de salsicha, puré e molho ao seu gosto.

Sunday Roast e Wellington Beef

Ao domingo há dois pratos que sobressaem nas ementas dos restaurantes e que são o Sunday Roast e o Wellington Beef.

O Sunday Roast (assado de domingo) é um prato de carne assada com Yorkshire Pudding, batatas e legumes e, claro, molho.

Já o Wellington Beef é mais comum para os portugueses, e consiste em carne com uma mistura de cogumelos por cima e envolvida em massa folhada.

Melhor altura para visitar Londres

Ruas de Londres.
Ruas de Londres.

Sendo Londres uma capital europeia com bastante oferta turística, a verdade é que vai encontrar atividades interessantes em qualquer altura do ano.

Por fim, e de uma forma genérica, as bebidas são caras, mas lembre-se que os restaurantes com serviço à mesa costumam colocar uma garrafa de água filtrada que pode consumir gratuitamente.

No entanto, tomamos a liberdade de lembrar algumas condicionantes, nomeadamente no que diz respeito ao clima e eventos sazonais:

  • em fevereiro comemora-se o ano novo chinês e isto significa que existem várias iniciativas gratuitas nas ruas;
  • os outonos e invernos são frios, chuvosos e com dias pequenos, por isso tenha esta informação em conta quando planear a sua viagem;
  • os habitantes não costumam usar guarda-chuva, em contrapartida utilizam capas para a chuva;
  • em dezembro as ruas iluminam-se com decorações de Natal e os mercados de Natal ficam espalhados pela cidade.

Alojamento em Londres

Hotel em Londres.
Hotel em Londres.

É difícil escolher o melhor sítio para se alojar em Londres, pois a estadia no centro é cara e nem sempre dispomos de tempo para as deslocações de metro.

Mesmo assim, nós preferimos sempre investir um pouco mais de dinheiro num hotel central, uma vez que poupamos tempo em deslocações.

Se é essa a sua escolha, veja estes hotéis no centro de Londres.

Além disso, cadeias de hotéis conhecidas como o Ibis, Holiday Inn ou Best Western costumam ser escolhas seguras, tanto a nível de conforto como preços razoáveis.

E já sabe, quanto mais cedo reservar a sua estadia, mais probabilidades de encontrar bons preços.

Reserve o seu alojamento em Londres

É preciso seguro de viagem para viajar para Londres?

Para viajar para Londres é recomendável que tenha um seguro de viagem, sendo que eu uso sempre os seguros de viagem da IATI.

Lembre-se, então, que se tiver alguma emergência de saúde ou simplesmente se cair, as contas médicas em Inglaterra podem ser bastante altas,

Além de os seguros da IATI serem os mais baratos no mercado, têm coberturas bastante completas e o atendimentos é em português, ou seja, se precisar de ativar o seguro de viagem em Londres, irá ser atendido ao telefone por alguém que fala português.

Para o Reino Unido o seguro de viagem “Escapadinhas” é o mais indicado, e inclui Assistência Médica 50.000€, bem como proteção em caso de COVID-19.

Veja quanto custa um seguro de viagem para o Reino Unido.

Subscreva o canal de YouTube para mais vídeos de viagens!

Leia também:

Por fim, se está a organizar a sua viagem para Londres tomamos a liberdade de sugerir os seguintes artigos:

Viajar em família, de forma frequente, com algum conforto e sem ir à falência! Somos uma Família Portuguesa a viajar pelo mundo e partilhamos tudo em passaportenobolso.com. Aqui encontra muitas dicas de viagem, bem como informações práticas sobre vários destinos na Europa, África, Ásia e América. Visitei +30 países e não planeio parar tão cedo. De vez em quando faço viagens sozinha… Acompanhe estas aventuras no Instagram Facebook / YouTube / Pinterest / Twitter.

Organize a sua viagem!

Reserve com os nossos parceiros; as marcas a seguir indicadas foram testados por nós, são de total confiança e por isso nós as recomendamos!

Além disso, ao usar estes links nós recebemos uma pequena comissão, o que nos ajuda a manter o blogue atualizado. Agradecemos a contribuição 

  • Alojamento no Booking;
  • Tours, entradas em museus, transferes de e para o aeroporto e atrações turísticas sem filas e com descontos pontuais em Get Your Guide;
  • Seguros de viagem à sua medida (inclui seguro COVID-19), com atendimento em língua portuguesa e com 5% desconto na IATI Seguros;

Não se esqueça que nós organizamos as nossas viagens e a dos nossos amigos, também podemos organizar as suas! reservapassaporte@gmail.com.

Este post pode conter links afiliados.

Partilhar Artigo

Artigos Relacionados

0 respostas

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.