0In Destinos

Visitar Marken nos arredores de Amesterdão

marken

Sabia que Marken já foi uma ilha? E que nesta simpática localidade existe uma fábrica artesanal de socos de madeira? É sobre Marken que lhe vamos falar no artigo de hoje!

Informações gerais de Marken

Marken é atualmente uma península, no entanto já esteve completamente separada do continente. O dique que acabou com a insularidade e que agora liga Marken ao restante país foi construído no séc. XX, por razões de segurança, depois de as águas do Mar do Norte terem chegado a Amesterdão.

É um lugar encantador! As ruas são tranquilas, quase não se vêem carros a circular e as casas são construídas sobre estacas por causa das inundações.

foto_2518

foto_2519

A todo o momento somos presenteados com pormenores engraçados.

Os habitantes de Marken são muito orgulhosos das suas tradições, nomeadamente a tradição de manufactura de socos de madeira. Aliás, em Marken ainda se esculpem socos de madeiras de forma artesanal.

foto_2517

foto_2510

foto_2511

Tivemos oportunidade de visitar uma fábrica de socos e quem nos recebeu foi o Sr. Homer. Naquele dia disse-nos em tom de brincadeira que nunca nos iríamos esquecer do nome dele, por ser igual ao Homer Simpson, e por alguma razão o senhor tinha razão!

Ele explicou-nos o processo de fabrico dos socos e é interessante ver um pedaço de madeira transformar-se numa peça de calçado mesmo à nossa frente.

Segundo o que nos explicaram, os socos devem comprar-se um número acima do normal para que fiquem folgados no pé.

Além disso, devem ser usados com meias grossas de algodão.

Tradicionalmente os socos eram usados pelos agricultores porque eram baratos e muito práticos. Os homens que trabalhavam as terras podiam tirar facilmente os socos sujos com lama e entrar em casa.

foto_2512

foto_2512 (1)

foto_2514

foto_2516

Educativo, sem dúvida.

Saiba que nesta viagem até aos Países Baixos também tivemos oportunidade de visitar AmesterdãoVolendamZaanse Schans e a exposição de tulipas mais famosa do mundo, o Keukenhof.

You Might Also Like

No Comments

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

%d bloggers like this: